Procurar
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Criar uma conta no Shvoong começando do zero

Já é um Membro? Entrar!
×

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

ou

Não é um membro? Registrar-se!
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

Shvoong Home>Sociedade E Notícias>Espiritualidade>Resumo de Um HOMEM FORTE, VITORIOSO, DE FÉ

Um HOMEM FORTE, VITORIOSO, DE FÉ

Resumo do Livro   por:zeviani     Autor : ANTÔNIO LUIZ ZEVIANI
ª
 

  UM HOMEM FORTE,VITORIOSO DE FÉ  -  03/02/2009  -  346
            (2ª TIMÓTEO 2.1-7) Em todos os lugares onde abrirmos a Palavra de Deus haveremos de encontra textos que nos aproximam, afastam, exortam, chamam, exaltam, humilham, tudo dependendo do próprio coração do homem. Somos impelidos muitas vezes pelo eu querendo dominar o divino e nisto temos pecado, contrariando a vontade do Nosso Deus que nos criou para o louvor da Sua Glória. Neste trecho que referenciamos no inicio da mensagem há um estímulo para que o homem seja pelo menos considerado em três categorias às quais passaremos a confirmar. Antes porém Jacó filho de Isaac,filho de Abraão, chamando os doze filhos de suas quatro esposas, precedendo é claro a sua morte, foi-lhes dado nome comparativo aos de animais e árvores, e cada um com suas qualidades. Esta parte das Escrituras, o Apóstolo Paulo direciona as palavras ao companheiro Timóteo e lhe exorta aos comportamentos que verdadeiramente são para nós hoje desafiantes. Exemplo: Tu pois filho meu, fortifica-te na fé que está em Cristo Jesus. Pouco preocupados estamos em andar e sermos fortalecidos na fé, muitos acreditam que pelo simples comparecer aos trabalhos da igreja eventualmente cumpre cabalmente com seu papel de cristão, puro engano, a Bíblia nos exorta a dia após dia sermos perseverantes, orarmos sem cessar, confessarmos nossos pecados, praticarmos a caridade, a justiça, o amor, o perdão. O que ouvirmos da Palavra de Deus, levarmos a outros para que não se percam. Vivenciarmos a vida do apóstolo Paulo como um sofrimento por causa do amor a Cristo. Começa então as comparações do verdadeiro cristão: Primeira - sermos como soldados; o bom soldado é um padrão, seu uniforme, sua postura, seu corpo, mostram que há igualdade em tudo a ponto de se confundir soldado com soldado, este soldado não se envolve em sujidades deste mundo, anda segundo a vontade daquele que o arregimentou, seu comandante tem orgulho e prazer em apresentar o grupo ao seu superior tem sobre si um comando, e a ele deve obediências, está sempre de prontidão, a qualquer momento em que soar o trombeta (clarim) ele em segundos está pronto para partir para o combate contra o inimigo, aventureiro, invasor. Segunda -  Igualmente o atleta não é coroado se não lutar segundo as normas. Um atleta, como temos assistido pela televisão, tem um período de preparação, muito exercício, alimentação balanceada, horário para deitar e levantar, acompanhamento médico, este atleta depois de uma temporada nestas condições recebe a sua avaliação podendo ou não representar seu país em competições internacionais, olimpíadas, campeonatos mundiais, sendo sua carreira duradoura ou curta de acordo com a sua preparação física, alimentação, higidez física. Terceira – O agricultor precisa derrubar o mato, queimar, descoivarar, queimar novamente, arar, semear, adubar se necessário, aplicar inseticidas, herbicidas, fungicidas e tantos outros, até o ponto de colher, levar o produto ao celeiro para garantir o seu trabalho, depois de armazenado ainda lhe restam muitos cuidados para que a semente não pereça. Um detalhe, ele é o primeiro a participar da sua alimentação dos frutos colhidos, que tem com certeza um sabor especial.  Esta é comparativamente a vida de um cristão. Precisamos ter a resistência e preparação de um soldado pronto para qualquer embate, termos a resistência de uma atleta, muito tempo de preparação para resistirmos todo tipo de contrariedade e adversidade que o adversário possa oferecer. Precisamos ser como um agricultor, homem de fé, temente a Deus, que confia em cada mudança do tempo sabendo que no Senhor somos mais que vencedores por meio d Aquele que nos amou, Jesus Cristo. Quando o soldado é arregimento participa de uma solenidade chamada “Juramento à Bandeira”, normalmente isto ocorre em data programada, ou entrega das boinas, antigamente havia o dia da entrega da espora (sou do tempo) do Regimento de Cavalaria do 17º de Amambaí, quanto foi para mim o prazer naqueles dias de celebrações e entregas de materiais a nós pertencentes por decorrer os prazos e vencermos as etapas, o curso de cabo, a entrada no curso de sargentos do Regimento. Como bom soldado procurei me aplicar como Timóteo, não me envolvendo em coisas que sujam o bom nome do soldado. (2ª TIMÓTEO 2.15) Procura apresentar-te a Deus aprovado, como obreiro que não tem do que se envergonhar, que maneja bem a palavra da verdade (para o soldado a espada). Portanto quando soldados fazemos juramentos, enquanto cristãos, Jesus conhece nossos corações. O antigo atleta com base nos costumes greco-romanos fazia seu juramento e era coroado com coroa de louros, hoje são medalhas com banho de ouro, tudo na época antiga o que marcava era a glória a vitória, a honra de representar seu país, hoje é a fama o seu passe, quanto ele vale na bolsa de apostas e compra quem maior valor der tudo tem seu preço. Jesus pagou o preço na cruz do calvário, É preciso crermos, sentirmos este amor que não foi em vão, mas que custou seu sangue na cruz. (2ª TIMÓTEO 4.7-8ª) Combati o bom combate, completei a carreira e guardei a fé. Já agora a coroa da justiça me está guardada. Amado amigo, sejamos pois bons soldados,perfeitos atletas, e ótimos agricultores em Cristo,

ORAÇÃO- Senhor Jesus quero ser como um soldado, atleta e agricultor da Tua ceara, ensina-me pois a ser amante da Tua palavra fazendo a Tua vontade, por Cristo Jesus. Amém.
ANTONIO LUIZ ZEVIANI

Publicado em: 04 fevereiro, 2009   
Por favor, avalie : 1 2 3 4 5
Traduzir Enviar Link Imprimir
X

.