Procurar
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Criar uma conta no Shvoong começando do zero

Já é um Membro? Entrar!
×

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

ou

Não é um membro? Registrar-se!
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

Shvoong Home>Ciências Sociais>Sociologia>Resumo de Metodologia Científica - Guia Para a Eficiência nos Estudos

Metodologia Científica - Guia Para a Eficiência nos Estudos

Resumo do Livro   por:Prolific_Writer     Autor : João Álvaro Ruiz
ª
 
INTRODUÇÃO:
1) CONHECER E PENSAR
-são uma necessidade constitutiva do progresso e subrevivência do Homem; os animais também conhecem sensorialmente, mas só o homem conhece e pensa.
-o pensamento corresponde à consciência que o homem tem do universo e é a base do conhecimento porque permite ao homem questionar, reflectir e procurar as razões das coisas.
-o conhecimento implica uma relação entre um objecto e um sujeito da qual resulta uma imagem apreendida pelo sujeito acerca do objecto, podendo essa relação ser de assimilação ou de produção do objecto, ou de identificação entre ambos; os objectos podem ser reais (resultantes da experiência interna ou externa) ou ideais (os objectos meramente pensados).

2) CONHECIMENTO SENSORIAL E INTELECTUAL
-no conhecimento sensorial,o homem, tal como os animais, só apreende as realidades sensoriais (cores, movimento, beleza, temperatura, som, etc.) na sua singularidade plena; a experiência é a fonte deste tipo de conhecimento.
-o conhecimento intelectual é específico do homem e baseia-se nas imagens sensoriais; supera-as já que formula conceitos e definições acerca dos objectos e procura relacioná-los através da razão.
-A ciência fundamenta-se na continuidade entre estes dois tipos de conhecimento mas o seu componente principal é o conhecimento intelectual.

CARACTERIZAÇÃO DE ALGUMAS FORMAS DE CONHECIMENTO E SUAS DIFERENÇAS EM RELAÇÃO À CIÊNCIA:

A) CONHECIMENTO VULGAR (SENSO COMUM) E CONHECIMENTO CIENTÍFICO
-o conhecimento vulgar é uma forma comum, espontãnea e acrítica de conhecer, sendo as vivências e as tradições as fontes desse saber; essas vivências (experiências) são normalmente fortuitas, ametódicas e desorganizadas, fragmentárias e sem rigor; as conclusões são extraidas sem análise, crítica ou demonstração credível.

- CONHECIMENTO VULGAR E CIÊNCIA-DIFERENÇAS
1- O conhecimento científico é realizado por especialistas; o conhecimento vulgar é comum a todos.
2- O conhecimento científico é programado, sistemático, metódico e orgânico; o conhecimento vulgar é ocasional e assistemático.
3- A ciência é crítica, rigorosa, objectiva e objectiva; o conhecimento vulgar é subjectivo e superficial.
4- A ciência parte das dúvidas para as leis; o senso comum não gera certezas.
5- O conhecimento científico procura legislar e relacionar os fenómenos; o senso comum procura o singular.
6- O conhecimento científico demonstra e justifica as suas certezas; as certezas do senso comum são intuitivas e acríticas.
7- A ciência está menos sujeita ao erro; o conhecimento vulgar está sempre sujeito ao erro.

B) CONHECIMENTO INTUITIVO E CONHECIMENTO CIENTÍFICO
A intuição é a capacidade que o homem tem de atingir o objecto de forma imediata e espontânea sem intermediários; resulta da vida prática e concepçoês pessoais de cada um.
A intuição sensorial corresponde aos dados percebidos de forma imediata pelos sentidos
A intuição intelectual corresponde à intuição dos primeiros principios lógicos ou evidentes; dos primeiros principios éticos como o bem eo mal; ou à intuição estética do belo.

CONHECIMENTO INTUITIVO E CIÊNCIA- DIFERENÇAS
A ciência é um processo complexo, sintético e analítico; a intuição reduz-se a um acto simples.
O conhecimento científico é um processo longo de pesquisa; a intuição é um acto de experiência sensível ou espiritual.
A ciência é objectiva; o conhecimento intuitivo é subjectivo.

C) CONHECIMENTO TEOLÓGICO E CONHECIMENTO CIENTÍFICO
- posição dos teólogos - a fé «deve ser considerada sabedoria máxima, porque pensa a partir da causa mais elevada»- Santo Tomás de Aquino
- análise da posição dos teólogos - ciência e teologia têm o mesmo objecto de estudo (o Homem, o Mundo)
- diversidade de princípios subjectivos e de fundamentos objectivos:
- o cientista guia-se pela inteligência e pelos sentidos ao passo que o teólogo orienta-se pela razão iluminada pela fé.
- a ciência fundamenta-se na pesquisa e análise das evidências lógicas enquanto a teologia aceita como verdade o dogma da fé.
- o conhecimento teológico parte do princípio que deus existe e é infinito; os textos sagrados são aceites como verdades divinas contendo a bíblia a verdade divina.

CIÊNCIA E TEOLOGIA-DIFERENÇAS
1- A ciência baseia-se em conclusões extraídas da experiência; a teologia pressupõe uma entidade divina.
2- A ciência é independente; a teologia necessita de uma iluminação divina (Fé).
3- O conhecimento científico fundamenta-se na natureza; a teologia fundamenta-se nas escrituras sagradas.
4- A ciência tenta compreender os fenómenos; o conhecimento teológico acredita em função de Deus.
5- A validade da ciência é independente; a teologia procura não contradizer a ciência..

D) CONHECIMENTO FILOSÓFICO E CONHECIMENTO CIENTÍFICO
A origem da atitude filosófica remonta ao séc. VII, altura em que Pitágoras definiu a filosofia como a dedicação à sabedoria. Mais tarde Aristóteles conferiu-lhe o significado de princípio universal dos conhecimentos humanos. A filosofia procede de acordo com um método dedutivo, racional, criticando e questionando problemas reais.

FILOSOFIA E CIÊNCIA - DIFERENÇAS
1- O objecto da ciência são os factos concretos, positivos e perceptíveis pelos sentidos; o objecto da filosofia são as ideias e as relações conceptuais.
2- O método científico é experimental; o método filosófico é racional.
3- A ciência circunscreve, delimita e fragmenta o objecto de pesquisa; a filosofia procura leis universais e gerais de acordo com as conclusões científicas.
4- O objectivo da ciência é descobrir relações de causa-efeito; a filosofia procura questionar a ciência e o seu sentido.
5- A ciência progride; a filosofia indaga; (ver Parte 2 no link disponibilizado em baixo em 'Links Importantes')

Publicado em: 20 janeiro, 2009   
Por favor, avalie : 1 2 3 4 5
  1. Responda   Pergunta  :    importancia do conhecimento cientifico Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    o que e conhecimento na tradição ? Veja tudo
Traduzir Enviar Link Imprimir
X

.