Procurar
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Criar uma conta no Shvoong começando do zero

Já é um Membro? Entrar!
×

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

ou

Não é um membro? Registrar-se!
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

Shvoong Home>Ciências Sociais>Resumo de Frei Luís de Sousa, uma obra do Romantismo

Frei Luís de Sousa, uma obra do Romantismo

Resumo do Livro   por:Isafontes     Autor : Almeida Garrett
ª
 
Frei Luís de Sousa, uma obra do Romantismo Português Frei Luís de Sousa é uma obra típica do Romantismo Português, não só pela linguagem que apresenta (exclamações, reticências, interrogações) como também pelos comportamentos emocionais das personagens. A presença, sistemática, do Amor desencadeia a tragédia e sobretudo o pecado, duas grandes características do Romantismo Português. O confronto entre o indivíduo e a sociedade (Individualismo) é particularmente visível em D. Madalena, quando esta se indigna com a atitude arrogante dos governadores quererem habitar o seu palácio. A religião aparece para suavizar o sofrimento trágico (tomada de hábito de D Madalena e Manuel Coutinho) e é, também, uma referência de todas as personagens. O Patriotismo e o Nacionalismo, também presentes na obra, são características do comportamento de algumas personagens e situações, nomeadamente o acto patriótico de Manuel Coutinho ao incendiar o seu palácio e o Sebastianismo alimentado por Telmo e Maria. Por fim, a morte, um dos temas mais característicos do Romantismo, surge como solução aos conflitos desencadeados no decorrer da obra: morte física de Maria; morte espiritual de D Madalena e Manuel Coutinho; morte psicológica de Telmo.
É de referir, também, que Garrett tentou “introduzir-se” na obra e para tal, utilizou Maria. Esta, como voz do autor, opunha-se ao destino a que os pais se propuseram. No entanto, apesar de romântica, esta obra tem traços da Tragédia Clássica, pois podemos interpretar as diferentes situações com os elementos da tragédia: o Pathos (aflição de D Madalena quando interrogada por Maria); a Peripécia (as opções que Manuel Coutinho e D. Madalena tomam, a mudança que Telmo tem em ralação ao Sebastianismo); o Reconhecimento (a chegada do Romeiro); o Clímax (a decisão tomada por Manuel Coutinho em se suicidar para o Mundo) e, por fim, a Catástrofe (a morte, com diferentes sentidos, das personagens). Como se vê é uma obra multifacetada com traços muito específicos, mas que podem ser interpretados como um “Trágico Romantismo”.
Publicado em: 02 abril, 2007   
Por favor, avalie : 1 2 3 4 5
  1. Responda   Pergunta  :    O que é um prosador seiscentista? Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    porque o título Frei Luiz de souza? Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    Características românticas e os elementos de tragédia do D.João de Portugal, o Romeiro?? Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    caracterização a personagem Telmo Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    Expõe de forma clara e concisa o que entendes por Romantismo. Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    qual a parte que mais o emocionou ( 1 Responda ) Veja tudo
  1. Responda  :    a morte da maria terça-feira, 6 de março de 2012
  1. Responda   Pergunta  :    foco narrativo frei luis de souza Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    O tempo é cronológico ou psicologico? ( 1 Responda ) Veja tudo
  1. Responda  :    psicologico, sempre soube terça-feira, 31 de janeiro de 2012
  1. Responda   Pergunta  :    Qual o espaço e o lugar? Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    Qual o tipo de narrador do conto? Veja tudo
Traduzir Enviar Link Imprimir
X

.