Procurar
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Criar uma conta no Shvoong começando do zero

Já é um Membro? Entrar!
×

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

ou

Não é um membro? Registrar-se!
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

Shvoong Home>Ciências Sociais>Resumo de Ciência e Tecnologia Primitivas

Ciência e Tecnologia Primitivas

Resumo do Artigo   por:apteles     Autor : Alfredo Macías Narro
ª
Este resumo foi traduzido de Ciencia y Tecnología Primitivas
 
CIÊNCIA E TECNOLOGIA PRIMITIVAS. Alfredo Macías Narro. Dezembro de 2007. Origens da Teoria Científica. -[BR] O conhecimento científico no Egito e na Mesopotâmia era sobretudo, e toda natureza prática, isso é, sem muita organização racional. Um dos primeiros sábios gregos que procurou as causas fundamentais dos fenômenos naturais foi o filósofo Tales de Mileto, no século VI a.C., quem introduziu o conceito de que a Terra era um disco plano que flutuava no universo, em água. O matemático e filósofo Pitágoras, da época posterior, estabeleceu uma escola de pensamento, em que a matemática se transformou em uma disciplina fundamental para toda a investigação científica. Os eruditos pitagóricos postulavam uma Terra esférica que se movia em uma órbita circular ao redor de um fogo central. Em atenas no século IV a.C., a filosofia natural jônica e a matemática pitagórica, se combinaram para produzir a síntese formada pelas filosofias lógicas de Platão e Aristóteles.[BR]Na academia de Platão, os principais pontos que se sobressaiam era o raciocínio dedutivo e a representação matemática; no Liceu de Aristóteles, primavam o raciocínio indutivo e a descrição qualitativa. A interação entre estes dois enfoques da ciência, conduziu a maioria dos avanços posteriores. Na época helenística, a morte de Alexandre Magno, Eratóstenes realizou uma medida asombrosamente precisa das dimensões da Terra. O astrônomo Aristarco de Samos, prpôs um sistema planetário heliocêntrico.[BR]O matemático e inventor Arquimedes, fixou as bases da mecânica e da hidrostática (um rama da mecânica dos fluidos); o filósofo e cientista Teofrasto fundou a botânica; Hiparco de Nicea, astrônomo, desenvolveu a trigonometria, os anatomistas e médicos Herófilo e Erasístrato, basearam a anatomia e a fisiologia na dissecação.[BR]Depois que os romanos distruiram Cartago e Corinto no ano de 146 a.C., a investigação científica perdeu impulso, salvo uma breve recuperação no século II d.C., devido ao imperador e filósofo romano Marco Aurélio. Na época, o sistema de Pitolomeu (uma teoria geocêntrica dos planetas proposta pelo astrônomo Cláudio Pitolomeu), e as obras do filósofo e médico Galeno, se converteram em tratados científicos de referência para a posterioridade.[BR]A Tecnologia Primitiva.[BR]Os artefatos humanos mais antigos que se tem conhecimento, atualmente, são as machadinhas de pedra, encontradas na África, no leste asiático na Europa. Data, aproximadamente de 250.00 a.C., e servem para definir o começo da Idade da Pedra. Talvez os primeiros fabricantes de ferramentas, foram grupos nômades de caçadores, que usavam o lado afiado da pedra para cortar sua comida e fabricar roupas e tendas.[BR]Em torno de 100.000 a.C., em algumas das cavernas que serviam de refúgio aos ancestrais hominídios dos homens modernos, encontrou-se diversos artefatos, tais comos machadinhas ovaladas, raspadores, facas e outros instrumentos de pedras, que indicavam que o machado de mão original havia se convertido em uma ferramenta para fabricar outras.
[BR] O outro passo da tecnologia primitiva, foi a descoberta do fogo. Golpeado pedras contra outras, ao produzir faíscas, é possível produzir fogo, evitando manter os fogos obtidos de fontes naturais.[BR]Além do mais da luz e o calor, o fogo também para cozinhar materiais feitos de argila, fabricando recipientes resistentes para cozinhar cereais, para a infusão e a fermentação. Esta época se denomina com a Nova Idade da Pedra. Em nossas culturas americanas primitivas (entre 20.000 e 10.000 anos de antigüidade), é destacável a invenção de uma poderosa espécie de lança-dardos, chamada na língua Náhuatl, Átlatl, que junto com as pontas finas dos dardos e flechas chamadas Clovis (chamadas assim por terem sido encontradas em Clovis, Nvo. México, EUA), contribuiram decisivamente para o desenvolvimento da caça em grupo e, sobretudo, para gerar excedentes e, portanto, poder sustntar de maneira estável e prolongada, uma comunidade de maior tamanho.[BR]Em outros termos, isso facilitou a cultura geral. A tecnologia primitiva, não estava centrada somente na manufatura de ferramentas práticas. Eram pulverizados minérios coloridos para extrair pigmentos que eram aplicados no corpo, em utensílios de argila, cestas, roupas e outros objetos. Na sua busca de pigmentos, as culturas antigas descubriram um minério verde chamado malaquita e um azul chamado azurita. Quando se golpeavan essas pedras, ricas em cobre, não se transformavam em pó, mas se dobravam; podiam polir, mas não partí-las. Por essas qualidades, o cobre foi introduzido rapidamente nas jóias. Estes povos rapidamente aprenderam que se este material era forjado repetidamente e posto ao fogo então não partia nem se arrebentava.Esse processo de eliminação de tensão do metal, chamada perita, foi introduzida pelas civilizações da Idade da Pedra, sobretudo em 3.000a.C., foi descoberto, também, que a mistura de estanho e cobre produzia bronze. O bronze, somente é mais duro, resistente e maleável que o cobre, além de proporcionar melhor fio na hora de amolar, uma qualidade necessária para fabricar utensílios cortantes como canivetes e espadas. Nesse sentido, o avanço cultural mais notável da humanidade nesse estado primitivo foi o desenvolvimento da capacidade de transmitir acertadamente e de maneira compreensível os conhecimentos adquiridos às gerações seguintes.[BR]Em outros termos, a humanidade primitiva inventou a pedagogia e a didática e iniciou assim, a ascensão evolutiva para o futuro.[BR]
Publicado em: 12 março, 2008   
Por favor, avalie : 1 2 3 4 5
Traduzir Enviar Link Imprimir
X

.