Procurar
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Criar uma conta no Shvoong começando do zero

Já é um Membro? Entrar!
×

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

ou

Não é um membro? Registrar-se!
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

Shvoong Home>Medicina E Saúde>Patologia>Resumo de Anemia por perda de sangue

Anemia por perda de sangue

Resumo do Artigo Científico   por:fateixa     Autores: Phipps; Sands; Marek
ª
 
  • v     Por perdas de sangue

    As anemias por perda de sangue estão relacionadas com as hemorragias agudas e crónicas .

    Associada à hemorragia aguda está a diminuição do número de eritrócitos circulantes provocada por traumatismo, complicações numa cirurgia, disfunção plaquetária ou perturbação da coagulação. Sendo que num adulto o volume de sangue é de aproximadamente 6000 ml, se a perda de sangue for igual ou superior a 1000 ml as consequências podem ser graves.

    Os sinais e sintomas de hemorragia aguda são decorrentes da hipovolémia e hipoxémia e incluem a astenia, irritabilidade, pele fria e húmida, hipotensão, taquicardia, e diminuição dos valores da hemoglobina.

    Relacionados com a hemorragia crónica estão os tumores malignos (gastrointestinal, por exemplo), as hemorragias por úlceras ou hemorróidas e a menorragia.

    Dada a capacidade de adaptação do organismo a situação pode permanecer assintomática até à descida de quase metade do valor normal de eritrócitos. Se não houver conhecimento da causa da hemorragia crónica, a medula não consegue acompanhar essa perda, acabando a pessoa por sentir fadiga.

    Diagnóstico: hemograma, com diminuição do número e concentração de eritrócitos, e diminuição dos valores da hemoglobina.

    Cuidados com colaboração da equipa de saúde:

    • Implementar os cuidados de emergência inerentes ao choque hipovolémico no caso da hemorragia aguda ;
    • Iniciar terapia por transfusão sanguínea, tendo em conta as crenças e cultura do indivíduo e família, em caso de hemorragia aguda ;
    • Iniciar terapia por transfusão eritrocitária, em caso de hemorragia crónica , pois reduz a incidência de sobrecarga circulatória e de edema pulmonar, reduz a probabilidade da ocorrência de complicações;
    • Administrar um suplemento de ferro para repor as suas reservas.

     Cuidados de Enfermagem:

    • Informar acerca das complicações que podem advir da transfusão sanguínea e sinais que impliquem a suspensão da transfusão sanguínea;
    • Explicar à pessoa que devido à fadiga em consequência da hipóxia dos tecidos, as actividades devem ser espaçadas de modo a proporcionar períodos de repouso e optimizar as reservas de energia;
    • Instruir as mulheres e os grupos mais afectados (com idade superior a 50 anos) a fazerem o despiste de sangue oculto nas fezes, bem como a proceder a análises de rotina;
    • Ensinar a pessoa e família acerca da importância de ter uma alimentação equilibrada, rica em ferro e vitaminas, elegendo os alimentos mais indicados como legumes, cereais e fruta.
Publicado em: 13 julho, 2008   
Por favor, avalie : 1 2 3 4 5
  1. Responda   Pergunta  :    minha mae tem anemia e esta sangrando a mais de 40 dia e não e a primeira vez oque faço para ajudala Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    O que fasso ou que como para recuperar mais rápido o sangue Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    porque as pesoas incham com a as anemias psor prda de sangue Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    nao tive perda de sangue mas meus exames acusao anemia por perda de sangue o que fazer ????? Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    Todos osórgãos já foram examinados a anemia pode ser proveniente da hemorragia, pode ser problema na medula? ( 1 Responda ) Veja tudo
  1. Responda  :    A anemia mexe com a glicose e urina e pulmão? quarta-feira, 5 de janeiro de 2011
Traduzir Enviar Link Imprimir
X

.