Procurar
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Criar uma conta no Shvoong começando do zero

Já é um Membro? Entrar!
×

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

ou

Não é um membro? Registrar-se!
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

Shvoong Home>Medicina E Saúde>Resumo de Atualização: Linfoma de Hodgkin

Atualização: Linfoma de Hodgkin

Resumo do Artigo   por:vangialluca     Autor : NCCN
ª
 

O linfoma de Hodgkin é uma neoplasia maligna das células de defesa do organismo. Parentes de primeiro grau tem 5x mais chance de doença de Hodgkin A doença é caracterizada pela presença de células de Reed-Sternberg (binucleadas, CD15+, CD30+), derivada de cels B monoclonais. Quanto a apresentação 80% originam-se em linfonodos (LN) cervicais, 50% em LN mediastinais e 33% apresentam sintomas B (febre, sudorese noturna e emagrecimento). São clasificados em:
Linfoma de Hodgkin predominância nodular linfocítica (LHPNL):
– CD15 -, CD30 -, CD45 +, CD20+. Caracterizado por recaídas tardias ocasionais, melhor sobrevida. Geralmente estádios I e II, sintomas B < 10% e mais comum após 40 anos.
Clássica
: - Esclerose nodular (EN): 70% - mediastino e 1/3 sintoma
- Celularidade Mista (CM): 20% - Dça avançada subclínica, infradiafragmática, ou estadiados como I – II Infradiafragmáticos
- Rico em linfócitos (RL): 10%
- Depleção linfocítica (DL): < 5% - Raro.
Pacientes idosos com linfoma avançado e sintomas B. Pior prognóstico. Associado a HIV+.
O diagnóstico é feito através de exame físico, história e exames laboratoriais (HMG, Função pulmonar, Uréia, Creatinina, bioquímica, taxa de sedimentação de eritrócitos (ESR), fosfatase alcalina, HDL, albumina, teste de gravidez, sorologia para HIV (se fatores de risco) e MUGA teste e LVEF antes de ABVD.
O prognóstico relaciona-se com:
Presença de Sintomas B e bulky, Estádios precoces tratados com QT-RT, SLD – 95% e ST - > 95% Pior: Homens, > 45anos, estádio IV, Hb < 10,5, leu > 15.000, linf < 0,6 x 10^9/L, albumina < 40g/L. Se ≤ 3 fatores, SLD – 70% e se > 3 fatores, SLD – 50%.
O tratamento é baseado em quimioterapia e radioterapia e, os esquemas mais conhecidos de QT são: MOPP: Mecloretamina, ONCOVIN (vincristina), procarbazine, prednisona. ABVD: Adriamicina (doxorrubicina), bleomicina, vinblastina, dacarbazine (Menor esterilidade e segundo tumor x MOPP) Stanford V: Mecloretamina, vincristina, predinisona, doxoxrrubicina, bleomicina, vinblastina, etoposide (Menor toxidade da bleomicina e doxorrubicina x ABVD) .
Publicado em: 09 janeiro, 2008   
Por favor, avalie : 1 2 3 4 5
  1. Responda   Pergunta  :    Quais as chances de cura de uma menina de dezenove anos que tem linfoma de hodking esclerose nodular,que vai iniciar o tratamento c/ dezesseis quimioterapias e que grau está para fazer eata quantidade Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    tenho um linfoma apos a quimioterapia ,fiz o pet scan e o mesmo apontou uma massa no mediastino Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    tive hodking terminei trat a 2 meses, sou hiv+ tomo retrovirais quais as chances de retorno do linfoma Veja tudo
Traduzir Enviar Link Imprimir
X

.