Procurar
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Criar uma conta no Shvoong começando do zero

Já é um Membro? Entrar!
×

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

ou

Não é um membro? Registrar-se!
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

Shvoong Home>Internet E Tecnologia>Jogos>Crítica de http://superdownloads.uol.com.br/materias/managerzone/228,2.html

http://superdownloads.uol.co m.br/materias/managerzone/22 8,2.html

Crítica do Web site   por:Rene Master    
ª
 
Quem nunca teve vontade de dar aquele palpite sobre a escalação de seu time de coração? Ou, quem sabe, mudar um jogador de posição, alterar o estilo de jogo da equipe ou, apenas, refazer as prioridades de investimentos do clube? Pois bem, se você é um destes pobres mortais que sofre com as trapalhadas dos cartolas brasileiros, suas preces foram ouvidas: a ManagerZone, líder mundial em jogos multiplayer de manager esportivo, desembarcou no Brasil! Pegue sua prancheta, seu boné, acomode-se na cadeira e mostre o dirigente que há dentro de você!

Para quem não conhece, os jogos no estilo manager esportivo permitem que você controle um clube de futebol (também pode ser de hockey, basquete, ou até mesmo uma equipe de F-1), desde os investimentos até a escalação e tática da equipe. Assim, você na verdade é um técnico e dirigente ao mesmo tempo. Alguns exemplos desse tipo de jogo são o Championship Manager, o Eliffot, o Hattrik, entre outros. Mas, o ManagerZone leva uma vantagem crucial sobre seus rivais: está na Internet.

"Além do usuário ser o gerente de um time e ter muitas responsabilidades para levar o time ao topo, o jogo acontece num nível internacional. A competição internacional, como os diferentes aspectos do jogo, podem viciar até aqueles que não gostam tanto do futebol" diz Anderson Schulle, o Felipão, que é MA (Master Assistant) da MZ e dono do segundo melhor time brasileiro da atualidade.

Gerenciamento e táticasTudo começa com um clube modesto, com três jogadores bons e muitos "pernas-de-pau" e "brucutus" no elenco, mais um aporte de um milhão de reais em caixa. A idéia é que você faça com que o clube evolua e cresça. Para isto, muitas ferramentas estão disponíveis, desde a escolha do patrocinador (indispensável, pois gera renda fixa semanal), aumento da capacidade e benfeitorias do estádio (como bares, restaurantes, cadeiras e setores VIPs, que serão a sua maior fonte de renda no jogo), até a escolha da tática e treinamento dos jogadores nos fundamentos e atributos que você queira que ele melhore (chute, velocidade, controle de bola, passe, etc). Há até a possibilidade de mandar embora o técnico (que no jogo tem a função de fazer com que os jogadores evoluam nos atributos com maior rapidez) e contratar outro.

Você deve estar se perguntando: "Mas onde está a graça de um jogo em que você não chuta, não dribla, enfim, não "joga" efetivamente?".

"A graça está na proximidade do mundo real, que este jogo virtual oferece", diz Felipão.

Assim, o desempenho de seus atletas está intimamente ligado às atitudes que você toma como dirigente e técnico. Por exemplo: os jogadores reclamam e perdem desempenho se não tiverem descanso; o clube pode quebrar se você não mantiver os investimentos e gastos de acordo com o seu orçamento; se sua equipe vai mal, os torcedores não vão ao estádio.

Duas coisas muito interessantes chamam a atenção e aumentam a "emoção" do jogo. A primeira é em relação às características dos jogadores. Cada um tem seus próprios atributos físicos (gerados aleatoriamente pelo sistema no momento em que é criada uma nova equipe), e assim possuem características relevantes que se refletem no desempenho de cada um. Um atleta mais alto e magro, pode se dar bem e ganhar mais facilmente atributos de goleiro ("defesa"). Já os mais gordinhos têm dificuldades em ganhar velocidade e podem se dar bem na marcação. Você não gostaria de ver um atleta franzino e baixinho, protegendo a defesa do seu time, ou um atleta extremamente pesado e lento correndo pelas pontas no contra-ataque, não é?

Outro ponto é a inexistência de posição fixa para os jogadores. Ou seja, você tem que montar o time com base na sua intuição, a fim de que os jogadores (de acordo com suas características e habilidades) rendam o melhor nas posições que você escolher.
Cada temporada no ManagerZone - o que significa um ano para o clube e seus jogadores (sim!eles envelhecem, também!) - dura 15 semanas. A duração da "Liga" é justamente esta. Há um jogo "oficial" por semana que vale por este campeonato, porém há diversas copas que acontecem paralelamente e que você pode participar - sem contar os diversos amistosos que você pode marcar, com amigos e outros dirigentes, durante a semana. Ao final de cada temporada, os times podem subir de divisão, podem ganhar troféus ou podem ser rebaixados.
Cada jogador também pode ter seu passe valorizado ou depreciado, de acordo com seu desempenho. As negociações de jogadores funcionam como uma espécie de leilão, onde os dirigentes vão cobrindo as ofertas dos rivais em um tempo pré-estabelecido. Infelizmente, os chamados "atravessadores" ou "pontes" (clubes que compram um jogador e vendem depois de alguns dias) não funcionam no jogo: as taxas de imposto cobradas por negociações feitas com o mesmo jogador antes de 15 semanas são muito "salgadas" (entre 40 a 95% do lucro da transação). O jogo tráz também uma funcionalidade em que você pode - apesar da visualização não ser das melhores em termos gráficos - ver os últimos jogos da sua equipe, garantindo uma dose extra de diversão. Assim, você pode torcer, vibrar, xingar, enfim, conferir como está o desempenho de seus jogadores no campo. Construindo o estádio Criado pela Crew (tripulação, em inglês), empresa fundada por seis suecos, há aproximadamente dois anos, a ManagerZone chegou ao Brasil em setembro de 2003(somos apenas o trigéssimo país a entrar no jogo). Hoje, já são 34 países interligados no mundo virtual do futebol da Crew. Mas por que tanta demora? "Como todo mundo sabe, os brasileiros são muito fanáticos pelo futebol, e assim, os criadores do jogo queriam preparar-se bem para a inclusão do Brasil. Todos esperavam que o jogo seria o maior sucesso aqui e, por isso, queriam estar preparados. Porém, toda essa cautela não foi o suficiente para lidar com mais de 40 mil novos usuários brasileiros em apenas um mês. Apesar de ser o trigéssimo país a integrar o jogo, já somos a segunda maior nação no ManagerZone.", responde Felipão. O número de novas inscrições e clubes não pára de crescer, principalmente pelo investimento em marketing, com propagandas na TV e parcerias com o SBT, Monkey, entre outras. O único "porém" é que o serviço é pago. Você tem 30 dias, chamado de período de avaliação, para jogar tranqüilamente e decidir se vale a pena o investimento (10 reais), para fazer parte do grupo de associados. Assinando, você continua com seu clube após o período de avaliação e também tem a funcionalidade de transferência de jogadores habilitada. Além disso, você também pode comprar créditos adicionais e utilizá-los em outros serviços que o jogo disponibiliza, como participar de copas, desafios ou montar ligas entre amigos. Para os novos dirigentes, a dica é familiarizar-se com as funções do jogo e receber as dicas dos mais experientes. Comeeeeça o espetáculo "Quanto mais você sabe sobre o funcionamento do jogo, mais o seu time estará caminhando ao topo. Este é um dos motivos para o meu time ser o segundo melhor brasileiro. Eu aconselho cada novo usuário a ler o manual e os sites de FAQ que podem ser encontrados nos links do MZ" - aconselha Felipão. "Uma das chaves do sucesso é construir, logo no início, um estádio para 8 mil a 10 mil pessoas, na proporção 75:23:2. Mas daí, já estou dando muitos detalhes, né?" - brinca ele. Outra boa indicação para aprender sobre o jogo é frequentar os forums e ler, frequentemente, a The Zone (revista eletrônica da Comunidade MZ e que tráz várias reportagens e dicas sobre o jogo). Também é indicado que a pessoa cadastre-se na federação de sua região, pois assim, pode trocar informações e experiências com os membros da mesma. Sim!! Você não leu errado! Pasmem, mas existem as federações regionais das equipes do ManagerZone, espalhadas pelo Brasil inteiro (exemplos: Federação Paraná e Santa Catarina de Manager Zone, Federação Paulista de Manager Zone, Federação Carioca de
Publicado em: 05 setembro, 2007   
Por favor, avalie : 1 2 3 4 5
Traduzir Enviar Link Imprimir
X

.