Procurar
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Criar uma conta no Shvoong começando do zero

Já é um Membro? Entrar!
×

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

ou

Não é um membro? Registrar-se!
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

Shvoong Home>Internet E Tecnologia>Crítica de Sair de casa: a decisão mais complicada

Sair de casa: a decisão mais complicada

Crítica do Web site   por:Sesiom    
ª
 
Adolescência é realmente um tempo tumultuado na vida de qualquer um. Fora as mudanças que rolam no nosso corpo, tem todas as mudanças que acontecem na nossa vida. Muitos entram no ensino médio (o antigo 2° grau), outros enfrentam a faculdade, poucos deles começam o ensino universitário, com todas aquelas disciplinas com nomes malucos... Mas tem uma galera que, no meio de tanta confusão, ainda opta por mais uma grande mudança: sair de casa.Deixar a casa dos pais é uma decisão das mais importantes e isso ocorre por vários motivos: por vontade própria ou por necessidade. É preciso estar certo sobre o que isso representa e o que está em jogo. E o que está na parada é a sua própria vida, o seu próprio futuro. Dessa forma, muitos jovens decidem sair de casa para estudar em outras cidades e até mesmo em outros países.Você pode dar um salto qualitativo enorme, descobrindo que, em meios a tantas dificuldades que vão surgir (prepare-se, elas vão surgir sim!), você resultará em alguém mais responsável e independente. É possível notar isso nas histórias dos entrevistados dessa reportagem, no link ao lado. Mas responsabilidade e independência não são qualidades que surgem no momento em que você coloca o pé pra fora da casa dos pais.
Essa e todas outras facetas da sua personalidade são moldadas por você mesmo. Portanto, muita atenção nesta hora! Mesmo que você tenha a ajuda de seus pais (financeira ou de qualquer outro tipo), você terá que levar a sua vida sozinho, fazendo as suas escolhas, tomando as suas decisões e definindo seu grupo de amigos e suas atividades.Porém, deixar o aconchego do lar, para muitos jovens, é algo que acontece independentemente de vontade ou plano. Alguns adolescentes saem de casa brigados com os pais devido a um mau relacionamento familiar. Esses, sem dúvida, são os casos mais delicados. É por isso que o psicólogo Miguel Ângelo Perosa, professor da faculdade de Psicologia da PUC-SP, deu uns toques para quem enfrenta uma situação como essa. E se você perceber, verá que o que ele fala bate direitinho com algumas das opiniões dos entrevistados. Aproveite e tire suas dúvidas!
Publicado em: 03 setembro, 2007   
Por favor, avalie : 1 2 3 4 5
  1. Responda   Pergunta  :    TENHO QUASE 13 ANOS, E NÃO TENHO AMIGOS NO MEU BAIRRO, E NÃO SAIO MUITO, COMO POSSO ME DIVERTIR ASSIM? QUERIA SAIR COM MEUS AMIGOS DA ESCOLA, PARA SE ENTURMAR, COMO POSSO SAIR DISSO NESSA MINHA VIDA ? Veja tudo
Traduzir Enviar Link Imprimir
X

.