Procurar
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Criar uma conta no Shvoong começando do zero

Já é um Membro? Entrar!
×

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

ou

Não é um membro? Registrar-se!
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

Shvoong Home>Artes & Humanidades>Resumo de Ensino, pesquisa e aprendizagem

Ensino, pesquisa e aprendizagem

Resumo do Livro   por:flavioprazeres     Autor : flavioprazeres
ª
 
A Didática é uma disciplina pedagógica para a formação de professores, possibilitando a estes a compreensão do processo de ensino. Entretanto, a didática não visa fornecer apenas o conhecimento de técnicas de orientações didáticas, mas o embasamento teórico prático que permita ao professor, além do desenvolvimento do “fazer pedagógico” um conhecimento do “ideário pedagógico” dos objetivos e finalidades da educação e do processo ensino-aprendizagem; o objetivo principal da didática. Ilma Passos Alencastro concebe a didática “com a teoria geral do ensino que generaliza o que é comum e fundamental para a prática pedagógica”. A prática e a teoria devem ser compreendidas através da relação entre as duas como processo de construção do conhecimento. A educação, por Ilma Passos, assim como para Paulo Freire em “A Pedagogia do oprimido” é um processo político que mesmo sujeita a interesses de classe, deve ser capaz de evidenciar a prática transformadora(possível através da prática denominada por Paulo Freire de libertadora, em contraposição à prática conservadora ou “bancária”). Então, para que o processo de ensino e suas relações sejam eficientes a didática, enquanto disciplina, busca conhecer esse processo, integrando as relações para compreender a educação e o ensino como um todo sistemático intencional e não polarizado, visto que um não existe sem o outro. Conclui-se que o ensino e aprendizagem são processos intencionais, dirigidos e orientados para atingir objetivos e finalidades. O ensino não se faz sem a aprendizagem, apesar de apresentarem caráter e sujeitos da ação diferentes(professor/aluno). Este processo de ensino-aprendizagem só é significativo quando correspondem aos objetivos e finalidades da educação e as necessidades e interesses dos sujeitos envolvidos.
Outro processo de suma importância para o ensino-aprendizagem, é a relação entre ensino e pesquisa, compreendida como a necessidade da buscar conhecer o “não-conhecido” como forma de construção do conhecimento do professor e, consequentemente, do aluno, uma vez que o professor pesquisador vai procurar sempre adequar o ensino à clientela, refletindo não só sobre esta, mas, sobre todo o contexto escolar e social. O ensino-aprendizagem esta diretamente interligado a relação conteúdo-forma, como nos outros casos tende a ser dicotomizado pela escola que valoriza a forma como meio de transmitir o conhecimento(conteúdo). Isto é, o conteúdo, compreendido como o conjunto de conhecimentos organizados a serem assimilados a partir do aperfeiçoamento de técnicas e procedimentos de ensino. No entanto, considera-se que o conteúdo só passa a ser assimilado quando passa a ter sentido e significação para o aluno que observa neles a “experiência social da humanidade”, percebendo a sua utilização na vida social. Todas as relações aqui são interdependentes, logo, a forma deve se adequar aos interesses sociais, escolares e do educando, e a pesquisa é um instrumento que o professor pode utilizar para conhecer esses interesses.
Publicado em: 04 março, 2008   
Por favor, avalie : 1 2 3 4 5
  1. Responda   Pergunta  :    quero saber sobre ensino-nâo-intencional Veja tudo
Traduzir Enviar Link Imprimir
X

.