Procurar
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Criar uma conta no Shvoong começando do zero

Já é um Membro? Entrar!
×

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

ou

Não é um membro? Registrar-se!
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

Shvoong Home>Artes & Humanidades>Resumo de VOCÊ É QUE FAZ A PAZ

VOCÊ É QUE FAZ A PAZ

Resumo do Livro   por:Jerson Aranha     Autor : Jerson
ª
 
VOCÊ É QUE FAZ A PAZ PAZ!!! O que é a PAZ? Muito se fala nela.Tantos já tentaram explicá-la... alguns a definem de modo simples, outros de forma mais complexa. Já recebi vários e-mails com slides lindíssimos sobre a PAZ... É um estado momentâneo, algo que se tenta adquirir... Advém de um esforço pessoal ou de um conjunto de posturas... relaxar, respirar, acender um incenso, ter consciência limpa, escutar o silêncio ou o barulho da água batendo na pedra, o riso de uma criança, uma conversa com Deus, momentos de meditação... Ela vem de dentro de nós ou a encontramos fora? Não conheço ninguém que deixe de buscar a PAZ. Aproveitei esse depoimento para enaltecer ainda mais meu resumo. Ficamos 20 dias na casa da minha filha nos Estados Unidos. Um País que vive ameaçado pelo terrorismo e encontrei uma PAZ diferente... Sou brasileira e quero ter orgulho do “meu País tropical, abençoado por Deus e bonito por natureza”. Aqui, também somos ameaçados, uma ameaça diária, vinda de todos os lados... sabemos que ela existe e estamos sempre buscando a PAZ, incansavelmente, na esperança de encontrá-la e agarrá-la... Desses 20 dias, 10 ficamos na praia, em Hamptons, um lugar maravilhoso! Algumas coisas chamaram nossa atenção e nos proporcionaram PAZ. - Todas as casas têm área verde preservada. Para ser construída uma piscina ou fazer uma ampliação, precisa da autorização da prefeitura. Ela é que vê o local, não é onde você quer, mas onde pode. Essa autorização fica afixada em lugar visível. E não há interesse em burlar as leis ou corromper funcionários. PAZ. - Não cortam árvores aleatoriamente e não há desmatamento, e sim, uma profusão de flores e arbustos ao longo de gramados exuberantes. Casas são construídas entre árvores nativas. O verde predomina. A natureza é preservada e respeitada. PAZ. Não há especulação imobiliária. As áreas sem construção são verdadeiros campos de flores e habitat de patos, gansos, marrecos, bambis, esquilos e coelhos. Placas sinalizam aos motoristas que diminuam a velocidade em respeito aos animais. Todos respeitam. Ficamos alguns minutos esperando uma ninhada de marrecos atravessar a estrada e entrar no lago. PAZ. - As casas não têm muros ou grades, no máximo uma cerca-viva, sensação de liberdade. Brinquedos, bicicletas, vasos, cadeiras as e poltronas nos gramados. PAZ.
Carros abertos, chave na ignição, com sacolas, cadeira de bebê, som etc. PAZ. - Carros respeitam os pedestres, em ruas sem semáforo, eles literalmente param, e esperam que você atravesse. O risco de ser atropelado é quase zero. PAZ. - Fiquei impressionada quando vi meu genro tirando de sob o tapete, a chave da casa. E ela fica ali, qualquer profissional que porventura precise fazer algum serviço, pode pegá-la. Ninguém mexe em nada. PAZ. - Na praia, há um lugar onde as pessoas deixam seus tênis, sandálias, chinelos, na certeza de que quando voltarem estarão no mesmo lugar. E estarão. PAZ. - Cada residência tem seu próprio poço artesiano, portanto não há hidrômetro, mas há consciência do uso da água sem desperdício. PAZ. - Quanto ao lixo, há uma campanha para evitar produzi-lo, mas como é totalmente impossível tudo é reciclável. Não há lixeiro. Os moradores levam em seus carros o lixo devidamente separado e embalado até os containeres. Andam alguns quilômetros na tentativa de salvar o planeta. O lixo não reciclável é colocado em container especial, levado para uma ilha e queimado. Nada fica no solo. PAZ. - Nas ruas não há postes de iluminação. À noite, só lanternas e pequenas luminárias de jardim, que são movidas à energia solar. Ninguém tem medo. Não há policiamento e nem guarda particular. PAZ. - As pessoas se cumprimentam, acenam, desejam-lhe bom dia, mesmo sem te conhecer. PAZ. Foi muito bom conhecer essa outra FACE DA PAZ, proporcionada pelo respeito ao ser humano, à natureza (animal e vegetal), ao planeta. A CONCIENTIZAÇÃO DE UMA COMUNIDADE.Agora, estamos de volta, em PAZ, por saber que em algum cantinho do mundo (tomara que existam vários deles) por menor que seja, mesmo que as pessoas tenham seus problemas, a PAZ pode ser vista e sentida... e nossa PAZ fica maior, por saber que nosso genro, filha e neta Sofia Ryan, que vai nascer em breve, também podem senti-la.
Publicado em: 17 dezembro, 2007   
Por favor, avalie : 1 2 3 4 5
Traduzir Enviar Link Imprimir
X

.