Procurar
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Criar uma conta no Shvoong começando do zero

Já é um Membro? Entrar!
×

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

ou

Não é um membro? Registrar-se!
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

Shvoong Home>Artes & Humanidades>Resumo de Educação emocional

Educação emocional

Resumo do Artigo   por:AnaCatarina     Autor : Susan Bello
ª
 


EDUCAÇÃO EMOCIONAL - Ensinando Crianças a expressar seu mundo interior

Os educadores precisam aprender como trabalhar com o Ser integral: corpo, mente e espírito. Há uma enorme diferença entre educar, visando à aquisição de emprego produtivo e educar para ajudar as pessoas a crescerem como seres humanos. Esse é o pensamento da autora deste artigo, a arte-educadora e arteterapeuta norte-americana, Susan Bello, PhD em Terapias Expressivas. Ela lembra que grandes civilizações foram fundadas pelos que realizavam uma educação integrada de corpo, mente e espírito e ajudavam os estudantes a se ligarem a algo que desse um sentido profundo a suas vidas, para a aquisição de novas técnicas e do conhecimento intelectual.
A violência que presenciamos atualmente em escolas, representa uma reação á falta de uma base humana conectada a algo que proporcione um significado de vida mais profundo. É de vital importância estimular característica da personalidade criativa em pessoas de todas as idades. Uma personalidade criativa é corajosa, comprometida com seu projeto criativo, é auto-motivada e inovadora. Os educadores de arte, segundo Susan, têm um papel vital a desenvolver, ensinando novos valores às crianças – a geração do futuro. Criadora do método Pintura Espontânea – abordagem em arteterapia, e autora do livro Pintando sua Alma, Susan Bello explica que a Pintura Espontânea é um processo de autodescoberta e um contato único com a Educação Artística, no qual se desenvolve a personalidade criativa, ao alinhar o participante com seu autêntico Self. Quando nossa consciência não é dominada pelo pensamento racional, podemos desenvolver outros caminhos do saber.
Podemos desenvolver talentos inatos da vida emocional, imaginação, inteligência criativa, inteligência simbólica, inspiração e assim por diante. Na educação das crianças no mundo de hoje, o fato de oferecer-lhes essa maneira de expressar a variedade de meios de conhecimento interior somados ao pensamento racional linear, é um método preventivo de saúde mental e equilíbrio. Cada indivíduo é único. Esse método de pintura permite que nossa natureza essencial que se encontra no inconsciente do indivíduo se fortaleça. Quando os estudantes são encorajados a expressar os aspectos desconhecidos de si mesmos, seus potenciais dominantes nascem na aula de arte através do processo criativo. As imagens simbólicas expressadas nas pinturas representam as forças dinâmicas dentro da psique humana, que são veículos que dirigem o Self de cada indivíduo através do caminho de autoconhecimento. O professor que trabalha com a educação emocional precisa ser treinado para tornar-se um ouvinte empático para com as necessidades da voz interna do autêntico Self de cada estudante, e guiá-los de maneira paciente, sem impor sua vontade ou julgamento. Precisamos criar um ambiente estável e seguro de maneira que o autentico Self possa expressar-se. As palavras-chaves são: escutar, aceitar, reforçar e permitir a espontaneidade.
Publicado em: 17 setembro, 2007   
Por favor, avalie : 1 2 3 4 5
Traduzir Enviar Link Imprimir
X

.