Procurar
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Criar uma conta no Shvoong começando do zero

Já é um Membro? Entrar!
×

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

ou

Não é um membro? Registrar-se!
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

Shvoong Home>Negócios E Finanças>Gerenciamento & Liderança>Crítica de Teoria dos Estilos de Liderança

Teoria dos Estilos de Liderança

Crítica do Livro   por:rober     Autor : Mário Darlan Alves Costa
ª
 
TEORIA DOS ESTILOS DE LIDERANÇA, TRAÇOS DE PERSONALIDADE E TEORIA CONTINGENCIAL Segundo a teoria dos traços de personalidade as pessoas que nascessem com determinados traços de personalidade, tais como: físicos, intelectuais, sociais e relacionados à tarefa, exerceriam influência sobre os indivíduos e grupos. De acordo com Chiavenato (1999, p.172). “um traço de personalidade é uma qualidade ou característica distintiva da personalidade. Segundo estas teorias, o líder é aquele que possui alguns traços específicos de personalidade que distinguem das demais pessoas”. A abordagem hereditária argumenta que a explicação definitiva para a personalidade de uma pessoa está na estrutura molecular de seus genes, localizada nos cromossomos. A hereditariedade determina os parâmetros ou limites, mas o potencial total de um indivíduo será determinado pelo ajuste às demandas e exigências do ambiente. O líder que possui forte tendência para os traços sociais preocupa-se com a sensibilidade para subordinar as pessoas. O estilo orientado para as pessoas tem sido diversamente descrito como um estilo que enfatiza a consideração, mostra preocupação pelas pessoas, é orientado para a relação, para o empregado ou para as pessoas. Por outro lado, o líder com traços relacionados com a tarefa preocupa-se excessivamente com a tarefa em si mesma. O estilo orientado para a tarefa tem sido diversamente descrito com um estilo que enfatiza a iniciação da estrutura, que mostra a importância da produção, que orienta para a tarefa ou para a produção. Liderança é a influência interpessoal exercida numa situação, e dirigida através do processo da comunicação humana a consecução de um ou mais diversos objetivos específicos. Teoria dos estilos de liderança são as teorias que estudam a liderança em termos de estilos do comportamento do líder em relação como ele lidera seus subordinados, ou seja, os procedimentos e as técnicas que ele utiliza para liderar sua conduta. Refere-se aquilo que o líder faz, o seu estilo de comportamento para liderar. Segundo esta teoria existe três tipos de lideranças: a autocrática, a democrática e a Laissez- Faire. Na teoria autocrática a ênfase é centrada no líder, o qual foca as diretrizes sem qualquer participação do grupo, determina providencias e as técnicas para execução das tarefas. Na teoria Democrática a ênfase é no líder e nos subordinados. As diretrizes são debatidas e decididas pelo grupo, estimulando e assistidas pelo líder. O próprio grupo esboça as providencias e as técnicas para atingirem o alvo esperado ou a meta principal da empresa. Na Laissez-Faire não há envolvimento com as atividades da área de seus funcionários e exerce pequenas influencias, conhecido como “ deixar rolar”, tendo portanto, menor visibilidade por parte dos funcionários. Não se pode afirmar ao certo qual das teorias seria a melhor utilizada em situações extremas ou de perigo. Porém, dentro de uma empresa, ou dentro de um país, sabe-se que a democracia prevalece, pois é de suma importância a opinião de todos para a melhoria de alguma questão.
Porém a teoria do estilos de Liderança não se sustentou pela sua fragilidade, surgindo então, a teoria situacional, também conhecida como teoria contingencial. Dê todas as imagens que nos vem à mente quando falamos no ambiente atual, uma se apresenta de forma predominante como causa e conseqüência de tudo o mais: mudanças aceleradas constantes. Vivemos uma corrente de mudanças no campo social, organizacional, cultural, alterando, conseqüentemente, os valores e os aspectos humanos. Nas organizações, tais mudanças são claramente visíveis. A palavra que define o momento é complexidade. Neste aspecto a teoria da Contingência, desenvolvida na década de 70 se apresenta mais atual do que nunca, pois as organizações constantemente precisam desenvolver técnicas e formas mais adequadas para lidar com as constantes variações do ambiente no qual estão inseridas. As organizações, hoje, são visualizadas como entidades em contínuo desenvolvimento e mudança, buscando sempre se ajustar e acompanhar as transformações do ambiente. A palavra contingência significa eventualidade, incerteza. A abordagem Contingencial, portanto, enfatiza a diferenciação e a variabilidade das formas de se lidar com as interfaces do ambiente, isso significa, que tanto a estrutura de uma organização como seu funcionamento são dependentes do ambiente externo. A teoria da contingência salienta que não há uma estrutura organizacional única que seja altamente efetiva para todas as organizações, essa preposição choca-se com a visão tradicional da teoria clássica que enfatiza uma única forma de administrar, constituindo o chamado one best way.
Assim, se a forma de gerenciar é adequadamente vista como dependente da situação que se procura equacionar, conseqüentemente deduz-se que não há um único conjunto de princípios de boa organização, um tipo ideal de sistema gerencial que sirva de modelo para todo e qualquer tipo de organização. Outro fator preponderante é a necessidade, de parte da gerência, de, em primeiro lugar, interpretar a situação de mercado e tecnológica, em termos de sua instabilidade ou da velocidade em que as condições externas estão mudando, e só então planejar o sistema gerencial apropriado às condições, e então fazê-lo funcionar. Conhecer as pessoas, os processos de grupos, a cultura organizacional e o modo como os processos interagem entre si passou a ser uma exigência essencial de qualquer líder que almeje sucesso no mundo dos negócios e das organizações.
Publicado em: 22 março, 2008   
Por favor, avalie : 1 2 3 4 5
  1. Responda   Pergunta  :    qual hipotese de liderança? Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    TEORIA DE ESRILO DE LIDERANÇA Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    Quais sao os principais estilos de lideranca? Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    quais os objetivos do estilo de liderança? Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    07- O que determina a teoria genética sobre a liderança? Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    autores de livros sobre a teoria do traço Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    o comportamento é geralmente previsivel, não havendo necessidade de ser estudado formalmente. por que essa afirmação é incorreta? Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    A heraditariedade determina a personalidade? Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    líder anárquico Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    quais os autores dessas teorias Veja tudo
Traduzir Enviar Link Imprimir
X

.