Procurar
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Criar uma conta no Shvoong começando do zero

Já é um Membro? Entrar!
×

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

ou

Não é um membro? Registrar-se!
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

Transporte Marítimo

Crítica do Livro   por:CIRONH     Autor : Sergio Fraga Santos Faria
ª
 
TRANSPORTE MARÍTIMO

A evolução do comércio está atrelada ao desenvolvimento de diferentes tipos de transporte, pois o incremento dos negócios originou a busca por novos meios de transporte.
Originalmente a tração era humana, movido pelo desejo de levar objetos de um lugar para o outro, para isso usando as próprias forças.
Passado o tempo e as evoluções que ocorreram nesse período o transporte internacional acompanhou essa evolução, com navios cargueiros cada vez maiores dutos interligando continentes, ferrovias de norte a sul e linhas aéreas pelo mundo inteiro e hidrovias sendo viabilizadas por todo lado para isso usando a mais alta tecnologia
Devido a sua importância dentro da cadeia de abastecimento, o setor tem recebido especial atenção a nível gerencial, pois os custos dessa parte da cadeia são bastante relevantes.
Entre vantagens e desvantagens o transporte marítimo internacional conseguiu um nível de competitividade significante, pois é o mais utilizado entre países.
O órgão que regula o setor é o IMO (Internacional Maritime Organization). Fiscalizando a segurança, problemas ambientais, poluição e condições das embarcações.
A classificação do transporte internacional pode ser dividido em navegação de longo curso e cabotagem internacional (curso curto).

TIPOS DE EMBARCAÇÕES

NAVIO TANQUES: para transporte de petróleo e derivados
TANKER: derivados de petróleo
CHEMICAL: químicos e granéis líquidos
ULCC: petroleiro
SUEZMAX: petróleo, mais ou menos um milhão de barris
PANAMAX: petróleo ou derivados, mais ou menos 60 toneladas

DE PASSAGEIROS

NAVIO PORTA CONTAINER: utilizado para carga geral
NAVIO RO-RO: transporte de veículos
NAVIO MULTI-PROPOSITO: tem grande flexibilidade
NAVIO GRANELEIRO: cargas a granel
NAVIO LASH: ou porta - barcaças
NAVIO REEFER: cargas refrigeradas
NAVIO GASEIRO: para o transporte de gases
NAVIO SEA-BEA: transforma-se para varias finalidades
NAVIO MADEIREIRO: transporte de madeira

FORMAÇÃO DO FRETE MARÍTIMO

Composto por varias taxas, sendo que é cobrado de porto a porto, ele é calculado pelo valor, peso ou cubagem da mercadoria.
Seguem os elementos que o compõem frete básico, sobretaxa, ad valorem, taxa para volumes pesados e grandes dimensões, sobre taxa de congestionamento, ajuste cambial, adicional do porto, adicional de risco (guerra).
PAGAMENTO DE FRETE

PREPAID FREIGHT: local de embarque
FREIGHT PAIJABLE: pago pelo importador
COLLECT FREIGHT: será pago feito em qualquer lugar

AGENTES INTERVENIENTES

ARMADOR: pessoa jurídica que realiza o transporte
AGÊNCIA MARÍTIMA: representa o armador e controla as operações
NVOCC: transportador que não é proprietário do navio
CONSOLIDADOR DE CARGA: responsável por consolidar container armazenar e transportar
LTC: Diferentes tipos de cargas e estratégias de serviços
COMISSÁRIO DE DESPACHO: Faz o despacho e liberação da mercadoria ( pessoa física)
TRANSITÓRIO: operações porta-porta (logística internacional).
PRATICAGEM: Acompanha toda a trajetória através dos portos.

Publicado em: 11 junho, 2008   
Por favor, avalie : 1 2 3 4 5
  1. Responda   Pergunta  :    qual e a intervencao dos transporte nas dinamicas espacial de territorio? Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    qual e aintervencao dos transportes na dinamica espacial de cada territorio? Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    qual a vantagem do transporte mariimo Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    Queria vantagens e desvantagens!! Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    .1 Quais são as características do Setor (Macro e Micro Regiões) Veja tudo
Traduzir Enviar Link Imprimir
X

.