Procurar
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Criar uma conta no Shvoong começando do zero

Já é um Membro? Entrar!
×

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

ou

Não é um membro? Registrar-se!
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

Shvoong Home>Negócios E Finanças>Crítica de O Maior Prédio do Mundo em São Paulo?

O Maior Prédio do Mundo em São Paulo?

Crítica do Artigo   por:CarlosRossi     Autor : Veja
ª
 
O Maior Prédio do Mundo em São Paulo?
A vida em São Paulo é um caos pelas avenidas, um engarrafamento terrível. Mesmo que sejam apenas 400 metros entre um ponto e outro, pode-se levar mais de meia hora para ir do apartamento ao escritório. Um projeto que ainda não se tornou realidade quer levantar no centro de SP um mega edifício com 510 metros de altura e 108 andares. O Maharish SP Tower superaria os 452 metros do Petronas Tower, em Kuala Lumpur, na Malásia, o primeiro atualmente. Seria bancado pelos dólares do guru indiano Maharishi Mahesh Yogi e provocando muita controvérsia, pois desfiguraria uma vasta área do centro velho de SP. Ao redor deve ser construído um parque com mais 1 milhão de metros quadrados, riscando do mapa quase 100 quarteirões. Uma cidade vertical, quase á parte do resto de SP, onde seria possível nascer e morrer sem cruzar o Hall de entrada, como morar no interior. A iluminação noturna seria feita por energia solar, captada durante o dia por células fotovoltaicas. O consumi de energia seria cerca de 150 MW por dia, o suficiente para iluminar uma cidade como Bauru. Projeta-se a construção de uma usina de gás natural, com capacidade para 105 MW para ajudar a abastecer o prédio de energia. O preço é astronômico: 1,65 bilhão de dólares, sem contar com os gastos com as desapropriações de quase todo o bairro de Pari. Não se sabe como seria administrada a coleta de lixo de 75 toneladas produzidas diariamente. Na Idade Média, os castelos e suas torres já eram símbolos de poder. Até a década de 1970, os americanos construíram espigões cada vez mais altos, incluindo o já destronado Ampire State.
Publicado em: 25 novembro, 2009   
Por favor, avalie : 1 2 3 4 5
Traduzir Enviar Link Imprimir
X

.