Procurar
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Criar uma conta no Shvoong começando do zero

Já é um Membro? Entrar!
×

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

ou

Não é um membro? Registrar-se!
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

Shvoong Home>Livros>Romance>Resumo de # Casa DE PENSÃO #

# Casa DE PENSÃO #

Resumo do Livro   por:lindamara     Autor : Aloísio de Azevedo
ª
 
Este livro conta a estória de um jovem por nome Amâncio, vindo da província do Maranhão para o rio de janeiro para  completar os estudos de medicina.Trazia uma carta de recomendações de seu pai para um antigo funcionário protegido do  tio de seu pai; o Campos, que fizera fortuna no rio de janeiro.
Pela gratidão que este tinha com a familia Vasconcelos não cogitou  ver Amâncio morando em um hotel e tratou logo de hospedá-lo em sua casa.
Amâncio era um tipo franzino acostumado com muito mimo  por parte de sua mãe, por ter sido muito doentinho na infância e adolescência. Sua mãe devotava ao filho uma verdadeira adoração, o que lhe deixou mal acostumado e de caráter fraco. Recebia o apelido de mariola. Sofreu uma grande injustiça na escola , revidou e acabou levando uma grande surra do pai após ter enfrentado o professor.
 Depois deste episódio Amâncio passou a ser muito dissimulado sem idéias próprias, covarde, ambicioso gostava de mulheres e queria ir para a corte. Sempre protegido pela mãe, saia á noite para dar umas voltas sem o consentimento do pai. Não era de todo sem inteligência, porém era preguiçoso .
Foi para a Corte, Rio de Janeiro.
 A viagem em sí foi muito divertida, partiu levando seu criado, cheio de idéias de aventura.
Medicina era apenas uma desculpa. Achava  Direito mais interresante mas não tinha no Rio.
Tinha consciência que a medicina lhe daria um título e prestígio.
Ao chegar na corte, não gostou, tudo lhe parecia muito monótono, mas logo ao andar pelas ruas encontrou com um antigo conhecido, o Paiva, logo se juntou a eles outros acadêmicos, todos querendo lhe dar conselhos, mas queriam mesmo era o seu dinheiro.
Foi assim que conheceu o Coqueiros ,um colega casado com uma mulher mais velha que juntos tinham uma pensão ,uma familia numerosa e uma irmã.
Imediatamente arquitetou um plano para levar Amâncio para sua pensão e com suas artimanhas comprometê-lo com sua irmã tendo em vista um futuro casamento rendoso.
 Neste ponto é que verdadeiramente começa a istória.
 Este novo hóspede seria um  grande achado, filho único e grande herdeiro. Foi assim que um grande complô em torno do provinciano se formou.
A pensão era de tipos muito variados gente de toda natureza e logo Amâncio estava interessado em Lucia , mulher casada, mas foi afastada para nao atrapalhar os planos de Coqueiros e suas familia .
Tudo é feito para segurar Amâncio que se deixou levar, pagando sempre contas e mais contas da pensão. Se deixou levar pelos encantos de amélia
Neste interim, Amâncio adoece e é extremamente cuidado pela familia que vai perdendo hóspedes e Amâncio em nome de uma gratidão passa a pagar mais e mais as despesas e ainda acha que está  sendo ajudado . Campos quer levá-lo mas não o permitem , é alertado de que está gastando muito.
Seu pai morre ele não pode ir ver sua mãe, que solicita sua presença. Amelinha quer casar, mas Amâncio nem cogita esta hipótese. Quer formar e ir para Paris. Amélia insiste sempre envolvente faz até uma greve ,obrigando este a comprar uma casa para ela. Todos mudam e o romance vai se tornando como se ninguem soubece, mas Amâncio não percebe que tudo era uma armadilha.
Sua mãe exige sua presença,
Amélia quer ir junto, quer que ele case, mas seu amante não quer. Coqueiros controla cada passo do seu inquilino que nunca foi bom nos estudos,  mas é de uma sorte no exame para passar de ano se sai blilhantemente. O casal de amantes viviam tão livre maritalmente que Amâncio foi perdendo o entusiasmo  se cansando da amante.
Amâncio recebeu um jornal do Maranhão enaltecendo -o por ter passado com louvor no primeiro ano de medicina, que o fez querer ir ao Maranhão ,assim sua amante se viu perdendo sua mina de ouro e tudo fez para ir junto ,não consegui mas seu irmão desesperado perdendo o pote de ouro saiu a procura de um advogado que  lhe  aconselhou a acusar amâncio de estupro contra a donzela sua irmã. Foi um grande alarde e Amâncio acabou prezo durante três meses, contra a indignação de Campos sua mulher  que estava correspondendo às investidas do estudante de medicina. Tudo veio à tona porque Amâncio contava com um excelente advogado, saindo livre. Com o esclarecimento dos fatos a turba se virou contra o Coqueiros que não aguentando as chacotas passou mão em um revolver e foi á cassa de Amâncio o matando. Foi a maior comoção com um funeral digno e um político famoso benemérito da pátria.
Sua mãe neste interim chegava ao rio de janeiro sabendo que seu filho estava preso. Ao chegar à corte se dirigia para a pensão para saber notícias do filho,  mas á medida que ia caminhando pelas ruas ia vendo na vitrine os objetos de luxo batizado com o nome de seu filho e se assustava sendo que  isto era costume naquela época. Quando se deparou com o desenho de seu filho morto  no necrotério sem camisa em uma vitrine, deu um grito e estatelou no chão desmaiada.

Publicado em: 16 janeiro, 2009   
Por favor, avalie : 1 2 3 4 5
  1. Responda   Pergunta  :    história sen nada haver --' Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    quem mata o amancio? ( 2 Respostas ) Veja tudo
  1. Responda  :    João Coqueiro sábado, 19 de novembro de 2011
  1. Responda  :    vas ler o livro direito pra saber a história! e tão bom pow sábado, 17 de setembro de 2011
  1. Responda   Pergunta  :    queria mais perguntas com respostas sobre o livro ( 1 Responda ) Veja tudo
  1. Responda  :    mas perguntas quinta-feira, 3 de abril de 2014
  1. Responda   Pergunta  :    quais eram os personagens do livro ? Veja tudo
Comentário Traduzir Enviar Link Imprimir
  1. 10. leituraesaber

    vale confirir

    ..a parte4 que mais me chocou foi a chegada da mãe, vale confirir.

    0 Classificação quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009
  2. 9. leituraesaber

    casa de pensão

    ...estew livro é de arrepiar

    0 Classificação terça-feira, 17 de fevereiro de 2009
  3. 8. leituraesaber

    muito bom

    não canso de admirar nosso grande escritor .e este livro é demais.........

    0 Classificação quinta-feira, 12 de fevereiro de 2009
  4. 7. leituraesaber

    casa de pensão...

    ...muito bom este resumo .

    1 Classificação quinta-feira, 12 de fevereiro de 2009
  5. 6. kikoesperto

    casa de pensão

    Muito intrigante essa história, parabéns pelo seu resumo maravilhoso

    1 Classificação quarta-feira, 28 de janeiro de 2009
  6. 5. lindamara

    casa de pensão.

    imperdível... Aloisio de azevedo, nosso Émile Zola

    1 Classificação segunda-feira, 26 de janeiro de 2009
  7. 4. lindamara

    Aloísio de azevedo.

    ...literatura que mais parece ter saido das páginas de um jornal...

    1 Classificação sábado, 24 de janeiro de 2009
  8. 3. lindamara

    casa de pensão.

    ...não tem como ler e não se sentir tocado.....................

    1 Classificação sábado, 24 de janeiro de 2009
  9. 2. lindamara

    literatura.....

    ...Grande nome da literatura brasileira: Aloísio de Azevedo autor de três grandes clássicos: O Cortiço,O Mulato e Casa de Pensão.

    1 Classificação sábado, 17 de janeiro de 2009
  10. 1. lindamara

    Casa de Pensão

    Este livro é de um realismo incrível ... faz parte da obra de aloisio de azevedo o nosso escritor naturalista.. Vale muito ler este livro.......

    1 Classificação sábado, 17 de janeiro de 2009
X

.