Procurar
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Criar uma conta no Shvoong começando do zero

Já é um Membro? Entrar!
×

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

ou

Não é um membro? Registrar-se!
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

Shvoong Home>Livros>Como Fazer E Auto-Ajuda>Resumo de Avaliação Mito e Desafio

Avaliação Mito e Desafio

Resumo do Livro   por:claurodrigues     Autor : Jussara Hoffanan
ª
 
RESUMO DO LIVRO : AVALIAÇÃO , MITO E DESAFIO AUTORA: JUSSARA HOFFMAN Avaliação e construção do conhecimento. Avaliação se detém “no não se deve ser”, ao invés do “ser melhor “, a serviço do autoritarismo e do direito de cátedra do professor, prática avaliativa improvisada e arbitrária ,que reproduz e revela fortemente sua vivência como estudante e educador ; princípios e metodologias de uma prática avaliativa estática, frenadora de caráter classificativo e sentencivo . Dar notas , fazer prova = avaliar, registro de notas = avaliação dictomia entre educação e avaliação que se tomam dois momentos distintos e não relacionados. Luta de educadores e políticos , denúncia da função seletiva e discriminatória das notas e conceitos e dos prejuízos sócias decorrentes da reprovação . A avaliação , na perspectiva de construção do conhecimento parte de duas premissas básicas : confiança na possibilidade dos alunos construírem suas verdades e valorização de suas manifestação e interesses. Exige do educador uma concepção de criança , jovens e adultos,como sujeitos de desenvolvimento inserido no contexto de sua realidade social e política. Daí, a avaliar é dinamizar oportunidades de ação-reflexão, num acompanhamento permanente do professor , que incitará o aluno a novas questões a partir de respostas formuladas , não num momento terminal do processo educativo, mas uma busca de compreensão das dificuldades do educando e na dinamização de novas oportunidades de conhecimento, tais como , a de Piaget , que declara que compreender as dificuldades encerra um princípio de descentralização , ver as coisas do ponto de vista dos outros, exemplo : princípio da reversibilidade. Avaliação : Mito e desafio Mito , ligado ao autoritarismo . A desmitificação desvela a análise dos pressupostos teóricos que fundamentam a avaliação , tomada de consciência coletiva, desafio que traz o compromisso de construir a história . Professor , reduzem a avaliação a uma prática de registro de resultados sobre o desempenho do aluno. Avaliar é julgar o resultado do trabalho da criança após o término deste , nele demonstrando comportamentos definidos , como ideais pelo o professor, aprovação/reprovação , que reforça o autoritarismo de cunho sentencioso , desconsiderando a mútua coordenação dos pontos de vista e das ações ( reciprocidade – Piaget ) . Avaliação é indissociável da educação, deve levar a ação – reflexão , observadora , investigadora, ampliando as possibilidades próprias dos alunos. No modelo de Ralf tgler ( Avaliação por objetivos ), verificar o grau em que as mudanças comportamentais estão ocorrendo, através dos objetivos definidos pelo professor ( enfoque comportamentalista ) . Avaliação construtivista e libertadora, deverá encaminhar a um dialógico e cooperativo onde o professor e alunos aprendem sobre si no ato próprio da avaliação. Testar e medir . Medir é verificar a extensão , quantidade, volumes e outros atributos dos objetos e fenômenos , expressa em escalas ou graus numéricos ( nem todos os fenomenos podem ser medidos). Arbitrariedade na atribuição de graus e conceitos acontece por métodos impressionistas e por comparação .
O termo conceito na escola, as mudanças , minimizar o privilégio , as escolas finais valorizando o processo de aprendizagem e partir para analise de aspectos afetivos e psicomotores ao lado do conegtivo . Adoção de conceitos significa maior amplitude em termos de representação , evitando o estigma da precisão e da arbitrariedade . A medida , uso de notas reforça um mecanismo de competição e seleção na escola . A medida em educação , deve resguardar o significado de um indicador de acertos e erros para ser útil. O uso equivocado dos testes. Entendido com instrumento de constatação e mensurações e não de investigação , testar abrange investigar , verificar , o funcionamento para fundamentar a ação educação ( instrumento para questionar as percepções do mundo , avanços e incompreensões do aluno ) , interrogar sobre o significado dos erros para repensar uma didática científica, desvincular a interpretação dos testes , dos resultados numéricos obtidos. A avaliação enquanto mediação, concepção do erro construtivo ,considerar que o conhecimento reproduzido pelo aluno , num dado momento de sua vivencia é um conhecimento em processo de superação, que a criança aprimora sua forma de pensar o mundo à medida em que se depara com novas situações, novos desafios e formulam suas hipóteses, não a verificação de acertos/erros , mas encaminhar o aluno num sentido investigativo e reflexivo do sobre as suas manifestações . Mediação no sentido de intenção , intermediação, formal e informal, tudo o que a criança faz , as ações , sendo observado e julgado por professores. Fazer é compreender , compreensão = movimento = consciência elementares para conceituação superiores . Fazer é compreender a ação em grau suficiente para atingir os fins propostos. Compreender é interiorizar a situações até rever os problemas por elas levantados. O fazer significativo na construção do conhecimento mas a compreensão de hipóteses que pressupõe a organização da experiencia para tornar esse objeto compreensível ao sujeito , não significando repetir , memorizar , favorecer a iniciativa e a curiosidade para a construção de novos saberes. Corrigir tem a função de dar notas e uma de suas interrogações reprimendas em vermelho e apreciações e orientações genéricas do aluno... a correção favorece a compreensão e o desenvolvimento da autonomia do aluno... a dinâmica da avaliação efetiva-e a partir da analise das respostas do educando frente as situações desafiadoras nas diferentes áreas do conhecimento.
Publicado em: 27 março, 2008   
Por favor, avalie : 1 2 3 4 5
  1. Responda   Pergunta  :    com o resumo fica mais facil a compreemçao ( 1 Responda ) Veja tudo
  1. Responda  :    Com certeza, temos uma visão ampla de um todo. sábado, 14 de junho de 2014
  1. Responda   Pergunta  :    esta obra e especialo que levou a escreve-lo Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    em que momento o professor deve avaliar um aluno e como julgar que o aluno noa e nota 10 ou que ele noa foi bem durante o ano letivo. Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    o que é avaliação segundo Jussara Hoffman? Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    O QUE E AVALIAÇAO NA VISAO DE JUSSARA HOFFMAN ( 1 Responda ) Veja tudo
  1. Responda  :    . quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013
  1. Responda   Pergunta  :    avaliação e construção de conhecimento? Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    qual a lihha de pensamneto da autora? e qual a idéia principal que autora almeja? Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    - O termo conceito, na escola ,assume o significado medida Por influencia do escolanovismo, os conceitos Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    avaliação do ensino fundamental de 09 anos do 4 ao 9 ano Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    qual o tipo de organização que o livro organiza? Veja tudo
Traduzir Enviar Link Imprimir
  1. 2. Jaqueline G C Silva

    Avaliação

    O texto de Jussara é ótimo e faz com que o professor repense sua prática docente.

    0 Classificação quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013
  2. 1.

    otimo

    muito bom esse resumo do livro, AMEI!

    0 Classificação domingo, 17 de abril de 2011
X

.