Procurar
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Criar uma conta no Shvoong começando do zero

Já é um Membro? Entrar!
×

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

ou

Não é um membro? Registrar-se!
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

Shvoong Home>Livros>Literatura Clássica>Resumo de Caminha e Gândavo: A Visão do Indígena

Caminha e Gândavo: A Visão do Indígena

Resumo do Livro   por:FlaviaFarias     Autor : Flavia Farias
ª
 
Nos documentos históricos ora analisados para a feitura deste artigo, quais sejam: a Carta a El Rei D. Manuel, de Pero Vaz de Caminha e o Tratado da Terra do Brasil, de Pero de Magalhães Gândavo, é perceptível a visão antagônica entre os dois autores supramencionados.

Ao traçar os contornos do indígena brasileiro, tanto Gândavo como Caminha, não demonstram nenhuma condescendência com a nova cultura com a qual se deparam ao verem o povo da terra do Brasil. Gândavo os intitula de bárbaros gentios. Todo o seu tratado descreve um povo agressivo, belicoso, desumano, vingativo, polígamo, cruel e desonesto. Ao contrário de Gândavo, Caminha os descreve como um povo inocente, manso e limpo, ainda que bestial e de pouco saber. Nenhum dos autores atinam para a riqueza cultural e a sabedoria possível existente naquele povo.

Há uma diferença importante em ambas narrativas, a qual pretendo acentuar a seguir. Em Caminha há um texto descritivo, sem grande criticismo, exceto aquele intrínseco a um pensamento etnocêntrista-colonizador, do qual o narrador não pôde se distanciar. O conteúdo da carta de Caminha a respeito do indígena segue um caminho de descrições minuciosas sobre a compleição física do índio, os adereços com penas, as perfurações nos lábios, as ornamentações, as pinturas nos corpos, a nudez que de tão inocente desavergonhada não era, evidenciando assim, mormente, um caráter objetivo, físico e estético daquele povo. Já em Gândavo o texto é mais crítico e expõe, sobretudo, as características internas, comportamentais e da persona do indígena, adjetivando ao longo da narrativa, negativamente, aqueles seres que vivem de comer, beber e matar gente.

Ao contrário da visão negativa de Gândavo, Caminha declara que aquela gente é boa e de bela simplicidade, e que seria possível imprimir a eles a fé cristã, uma vez que Nosso Senhor lhes havia dado bons corpos e rostos, como a bons homens. Já Gândavo os vê como selvagens e descreve as mortes desses índios pelos governadores e capitães, excetuando aqueles que não traíam os portugueses e se mostravam de paz. Vê-se a total descrença na catequização daquele povo por parte de Gândavo, quando este afirma que nem mesmo na língua do gentio há as letras iniciais necessárias à escritura das palavras Fé, Lei e Rei.

Conquanto o índio tenha sido visto de forma diferente por Caminha e Gândavo, ambos desprezaram a cultura do indígena, seus costumes, idioma, cultos, e tudo relacionado àquele povo. Não importava que os índios fossem bons ou maus, uma vez que a cultura européia lhes fora impingida pelo etnocidas, dos quais fazia parte os autores aqui mencionados.
Publicado em: 10 dezembro, 2008   
Por favor, avalie : 1 2 3 4 5
  1. Responda   Pergunta  :    qual a principal diferença dos indígenas para o texto de Pero Vaz de Caminha Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    Qual a contribuição desta primeira forma de literatura? Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    na idéia de gândavo como se luta explica as luta ente os potugueses e indígenas Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    como identificar a tranfiguração na carta de pero vaz de caminha? Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    a visão só sobre o povo ( 1 Responda ) Veja tudo
  1. Responda  :    sim so vc endentificar esta visao segunda-feira, 15 de outubro de 2012
  1. Responda   Pergunta  :    e qual é o conteudo? Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    como perovaz de caminaha descreveu os indigenas? Veja tudo
Traduzir Enviar Link Imprimir
  1. 5. kikoesperto

    kikoesperto

    A verdade é que esses "etinocidas" ajudaram a difamar e dizimar a população indigena.

    1 Classificação quinta-feira, 25 de dezembro de 2008
  2. 4. kikoesperto

    amizade

    Feliz Natal e próspero ano novo, que todos os seus desejos se realizem no ano que se aproxima.Bjos minha amiga de msn

    1 Classificação quinta-feira, 25 de dezembro de 2008
  3. 3. kikoesperto

    kiko

    Os indios merecem sua cidadania.

    3 Classificação quinta-feira, 25 de dezembro de 2008
  4. 2. kikoesperto

    indios

    Os bem redigido seu texto, parabens...

    1 Classificação quinta-feira, 25 de dezembro de 2008
  5. 1. AquidabanNena

    Caminha e Gândavo: A Visão do Indígena

    Por conta dos índios, o Brasil está um pouco menor. Ao demarcar terra como nação indíginas, deixa de ser Brasil. Os índios devem ser tratados como cidadãos brasileiros, incorporados à nação brasileira, e como tal sofrer com os demais todas as consequências de ser brasileiro.

    1 Classificação sábado, 13 de dezembro de 2008
X

.