Procurar
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Criar uma conta no Shvoong começando do zero

Já é um Membro? Entrar!
×

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

ou

Não é um membro? Registrar-se!
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

Shvoong Home>Livros>Infância E Juventude>Resumo de O Soldadinho de Chumbo

O Soldadinho de Chumbo

Resumo do Livro   por:BellaCristhyne     Autor : Hans Christian Andersen
ª
 
O soldadinho de Chumbo,escrito por Hans Christian Andersen foi publicado pela primeira vez em 1838.Este é um resumo foi feito em cima do livro de mesmo nome,integrante da coleção: As mais Belas histórias Infantis de Todos os Tempos.

O soldadinho de Chumbo

Com um pouco de chumbo derretido, um homem fabricou vinte e cinco soldadinhos. Só que o chumbo acabou antes que ele terminasse o trabalho. E o ultimo soldadinho ficou sem a perna direita. Mas ele era valente demais e nem se queixou.

Quando chegou o Natal, um garoto chamado Pedrinho ganhou os vinte e cinco soldadinhos. Todo orgulhoso o menino pegou seu presente e foi correndo mostrar para a irmã. Mariana também mostrou seu presente para o irmão, ela havia ganhado um lindo castelo de papelão que parecia de verdade e uma bailarina com um belo saiote. Ela pediu a Pedrinho que emprestasse os soldadinhos para tomar conta do castelo, o menino não gostou da idéia e emprestou somente o boneco com defeito a irmã.

Contente por guardar o castelo, o soldadinho ficou atento, espiando para todos os lados pelo canto dos olhos. Então viu a bailarina de papelão, tão bonita que só usava como enfeite uma conta de vidro bem brilhante. A bailarina também olhava para o soldadinho, suspirando e tentando se equilibrar na ponta de sua sapatilha.

Quando as crianças dormiram, começou uma divertida festa dos brinquedos. Quando ouviu a música a bailarina não resistiu e começou a rodar sobre o pezinho em ponta. O soldadinho ficou tão encantado que até esqueceu-se de guardar o castelo. No melhor da festa um boneco de mola pulou para fora de seu pote,ele era muito nervoso e mal-educado,e falou para o soldadinho não ficar de olho na bailarina pois ela era sua namorada.

Na manhã seguinte, Pedrinho pegou os soldadinhos e os espalhou pelo quarto para que cada um vigiasse um lugar. O ultimo da fileira era o soldado sem perna, que por azar ficou bem ao lado do pote do boneco de molas. O ciumento boneco aproveitou a oportunidade e de repente, com um golpe bem rápido lançou o pobre soldadinho pela janela. Quando se deu pela falta do boneco, Pedrinho saiu para procurá-lo porem começou a chover e ele não obteve sucesso.

Mais tarde dois garotos encontraram o soldadinho, e o colocaram num barquinho de papel que saiu navegando por um riacho.A correnteza estava muito forte e empurrava o barquinho cada vez mais depressa,o rio foi se alargando e ficando cada vez mais perigoso.O barco entrou em um redemoinho,o soldadinho pensou que nunca mais veria a bailarina,e começou a afundar até que um enorme peixe o engoliu.

Um pescador capturou o peixe e o vendeu no mercado. Quem comprou o peixe foi justamente a empregada do Pedrinho.Que ficou surpresa ao encontrar o soldadinho enquanto limpava o bixo. A mulher chamou Pedrinho, mas ele não ficou muito contente com a volta do herói que estava todo sujo e arranhado. A irmã do garoto pediu para ele não jogar o boneco fora,e o colocou de novo na frente do castelo.A bailarina quando viu seu amado ficou muito feliz.
Pedrinho entrou na sala e subiu na cadeira para tirar um de seus brinquedos de perto do boneco sujo, quando desceu por conta de um movimento desajeitado o castelo saiu voando e o soldadinho foi parar no meio do fogo da lareira. As chamas já haviam começado a derreter o boneco, quando a bailarina pulou na lareira para ficar perto dele.Os dois se olharam por muito tempo sem perceber o calor do fogo.Eles se amavam de verdade.

No dia seguinte, quando foi tirar a cinza da lareira,a empregada, encontrou um coraçãozinho de chumbo e uma conta de vidro que mal conseguia brilhar.
Pelo menos agora eles vão ficar juntinhos para sempre.

Publicado em: 22 junho, 2011   
Por favor, avalie : 1 2 3 4 5
Traduzir Enviar Link Imprimir
X

.