Procurar
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Criar uma conta no Shvoong começando do zero

Já é um Membro? Entrar!
×

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

ou

Não é um membro? Registrar-se!
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

Shvoong Home>Livros>Infância E Juventude>Resumo de A Lenda do Boto

A Lenda do Boto

Resumo do Artigo   por:MISTERWANDERLEY     Autor : Misterwanderley
ª
 

    No interior do Amazonas, especificamente na cidade de Itacoatiara, nos tempos de antigamente, era comum famílias saírem em embarcações para festas de arrrasta-pé nas comunidades ribeirinhas, certo dia estava em uma dessas festas, eu era naquele tempo, menino novo robusto, cheio de charme e beleza, chamava a atenção das moças que ali se faziam presente. Até que em certo momento chegou um jovem todo vestido de branco, chapéu de couro também branco que atraiu a atenção de todas as meninas. Aproximou-se da menina que mais me interessava e a convidou para dançar. Eu, fiquei de olho nos dois, enciumado a festa continuou rolando, entrando pela madrugada e, em certo momento não avistei mais nenhum dos dois. Sai a procura da moça, pedindo informações para um e para outro sem ninguém me dar informação, até que encontrei um velhinho sentado na escada lá fora e ele me informou que os dois saíram em direção ao rio, corri para lá sendo informado por um outro senhor que os dois entraram no rio. Voltei para casa triste e solitário, sendo acalentado por minha avó que me perguntou como era tal jovem, e contei-lhe que era um jovem galanteador e falante. Foi quando ela para meu espanto me falou que este tal jovem a quem eu me referia era um boto cor-de-rosa, e que nas noites de festa junina ele se transformava em homem e saia para seduzir as jovens e engravida-las no fundo do rio, tornado a virar boto no outro dia, e que o chapéu que ele usava era para esconder aque buraco que ele tem no meio da cabeça, seu nariz grande e o rosto.
    Hoje em dia principalmente aqui em nossa região, quando uma menina engravida e não sabe quem é o pai, costuma-se dizer que a gravidez é do boto.

Publicado em: 18 junho, 2008   
Por favor, avalie : 1 2 3 4 5
  1. Responda   Pergunta  :    botoo.origem:amazonica ( 1 Responda ) Veja tudo
  1. Responda  :    pf responda vc.repidoo terça-feira, 28 de agosto de 2012
  1. Responda   Pergunta  :    resumo de tres linhas Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    ainda existe boto , em nossa região ou e mentira dos polvo . Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    COMO CONTAR PARA CRIANÇAS DE QUATRO A SEIS ANOS? Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    A LENDA DO BOTO Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    a lenda do boto cor de rosa e verdadeira ( 2 Respostas ) Veja tudo
  1. Responda  :    nao segunda-feira, 12 de março de 2012
  1. Responda  :    sim segunda-feira, 31 de outubro de 2011
  1. Responda   Pergunta  :    como e a lenda do boto cor de rosa Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    em que regiao voces vivi ( 1 Responda ) Veja tudo
  1. Responda  :    Amazonas quarta-feira, 31 de agosto de 2011
  1. Responda   Pergunta  :    Em que região vocês ficam??? Preciso por no trabalho... ( 1 Responda ) Veja tudo
  1. Responda  :    nos ficamos aqui na regiao norte quinta-feira, 18 de agosto de 2011
  1. Responda   Pergunta  :    mefala o resumo do boto Veja tudo
Traduzir Enviar Link Imprimir
  1. 4. karyne

    boto

    e legal

    1 Classificação terça-feira, 14 de agosto de 2012
  2. 3.

    boto

    e muito interessante essa historia do boto cor-de-rosa...

    1 Classificação sexta-feira, 19 de agosto de 2011
  3. 2. Júlia

    Amei

    É um bom resumo da lenda do boto, me ajudou muito no trabalho escolar, já que estou no periodo foclorico. Não sei quanto tireide nota, mas esperoque seja um 10!!! Seu resumo é meio grandepara ser um resumo, mas eu dei uma resumada, na hora de copiar.

    1 Classificação terça-feira, 9 de agosto de 2011
  4. 1. alice

    Boto

    chato

    1 Classificação domingo, 12 de junho de 2011
X

.