Procurar
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Criar uma conta no Shvoong começando do zero

Já é um Membro? Entrar!
×

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

ou

Não é um membro? Registrar-se!
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

Shvoong Home>Livros>Biografias>Resumo de Araújo Porto Alegre - Vida e Obra

Araújo Porto Alegre - Vida e Obra

Resumo do Livro   por:Alexandre Meirelles     Autor : Unknown
ª
 
Araújo Porto-Alegre (Manuel José de Araújo P.-A., barão de Santo Ângelo), poeta, pintor, professor, jornalista, diplomata e teatrólogo, nasceu em José do Rio Pardo, RS, no dia 2 de novembro de 1806. Em 1826 veio ao Rio estudar pintura com Debret na Academia de Belas Artes, cursando também a Escola Militar e fazer aulas de anatomia do curso médico, além de Filosofia. Em 1831, graças a um patrocínio promovida por Evaristo da Veiga, e à proteção dos Andradas, seguiu Debret à Europa, a fim de aperfeiçoar-se como pintor. Ligado a Garrett, foi quem orientou os patrícios chegados a Paris interessados pelo Romantismo. De volta ao Rio, desenvolveu intensa atividade artística, educacional, administrativa e literária. Colaborou com Domingos de Magalhães na criação da revista Nitheroy (1836), e fundou com Joaquim de Macedo e Gonçalves Dias a revista Guanabara (1849), ambos veículos que abrigaram os grupos iniciais do Romantismo no Brasil. Em 1858 ingressou na carreira consular, servindo como cônsul do Brasil na Prússia (atual Alemanha), com sede em Berlim, depois na Saxônia, com sede em Dresden, (1860-1866), e finalmente em Lisboa (1866-1879), Portugal, em 29 de dezembro de 1879.
Escreveu artigos, biografias, peças de teatro, estudos políticos, poesias, tendo ele publicado as principais nas ‘Brasilianas’ (1863). Usou o pseudônimo Tibúrcio do Amarante. Fez parte do primeiro grupo romântico brasileiro, cuja poesia é marcada por um forte nacionalismo. Abandonou a mitologia clássica em proveito da temática nacional. A sua obra-prima foi o poema épico ‘Colombo’, em que trabalhou desde 1840, publicando episódios em revistas da época a partir de 1850. obras
Brasilianas (poesia - 1863)
Colombo (poema épico -1866) teatro
Prólogo Dramático (1837)
Angélica e Firmino (1845)
A Estátua Amazônica (1851)
A Restauração de Pernambuco (1852)
Os Judas (1858)
Canto Inaugural (1859)
O Prestígio da Lei (1859)
Os Voluntários da Pátria (1877)
Publicado em: 29 agosto, 2007   
Por favor, avalie : 1 2 3 4 5
  1. Responda   Pergunta  :    e qual era sua prinipal performace no romantismo .... Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    ele era um pintor?queria ver as imagens de suas obras.... Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    Quantos livros ele publicou? Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    resumo do livro angelica e firmino Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    quando ele morreu? ( 1 Responda ) Veja tudo
  1. Responda  :    em1899 quarta-feira, 19 de outubro de 2011
  1. Responda   Pergunta  :    Em que ano ele morreu? ( 1 Responda ) Veja tudo
  1. Responda  :    1879 quinta-feira, 11 de agosto de 2011
  1. Responda   Pergunta  :    quais são suas melhores obras? Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    vida eobra e a escola literaria Veja tudo
Traduzir Enviar Link Imprimir
X

.