Procurar
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Criar uma conta no Shvoong começando do zero

Já é um Membro? Entrar!
×

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

ou

Não é um membro? Registrar-se!
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

Shvoong Home>Livros>Resumo de Menino de Engenho

Menino de Engenho

Resumo do Livro   por:zorgatodelamuzoj     Autor : Jose Lins Rego
ª
 
Narrado na primeira pessoa, por Carlos Melo, é o primeiro livro do ciclo da cana- de- açúcar. Constata-se que o biógrafo foi superado pela imaginação criadora do romancista. A realidade bruta é recriada através da criatividade do género nordestino. É a história típica, natural e sem retoques de uma criança, Carlos , órfão de pai e mãe, aos oito anos de idade, vem viver com o avô , o maior proprietário de terras da localidade- Coronel José Paulino. Carlos é criado sem a repressão familiar e sem cuidados e atenções necessárias perante as experiências da vida. Vê o mundo, aprende o bem e o mal e chega a uma precocidade acerca dos hábitos que lhe eram "proibidos", mas inevitáveis de serem adquiridos. Perante a ausência de orientação, torna-se viciado, corrompido, aos doze anos de idade. Além dos problemas íntimos do menino desorientado para a vida e para o sexo , temos a análise do mundo em que vivia, visto por Carlos, que é a personagem narradora. Carlos vê o avô como um verdadeiro Deus, uma figura de grandiosidade inatingível. O Engenho é o mundo , um império, de onde o coronel José Paulino dirige, guia os destinos de todos. e em consequência, Carlos considera-se e é considerado pelos criados, escravos e agregados o "coronelzinho" cujas vontades devem ser realizadas sem contestação. Descreve com emoção a vida dos escravos, a senzala, o sofrimento e os castigos do "tronco" .
Outra cena a ser destacada é a "enchente" do rio, vista através dos sustos e admiração de Carlos. Uma descrição de grandiosidade bíblica. Também vêm à superfície, superstições e crendices comuns entre as camadas populares, como a do "lobisomem". O romance se passa na região limítrofe entre Pernambuco e Paraíba, a dedução e feita através das descrições de paisagem e da vida dos engenhos de açúcar. São mostrados os bandidos , cangaceiros, comuns na região, como única forma de reacção social de um povo escravizado . Personagens: Tia Maria- moça que, com ternura, amor, e carinho vai substituir a mãe na memória de Carlos. Tio Juca- tio que , levando o menino da cidade para o engenho, mostra-lhe o mundo novo do engenho e também o próprio avô. Tia Sinhazinha, velha de uns sessenta anos despótica, dirigia o engenho. Casada com um dos homens mais ricos da região, de quem estava separada desde o início do matrimónio, esta velha tirânica será o tormento da vida do menino. As negras, os moleques, tinham que se submeter à sua dureza e crueldade.
Publicado em: 24 abril, 2007   
Por favor, avalie : 1 2 3 4 5
  1. Responda   Pergunta  :    ele cuidou do engenho ,depois de seu avô? Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    o menino do engenho conseguiu largar do vicío? Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    quem são os personagens secundarios Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    personagens secundarios Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    qual a mensagem que o livro traz Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    qual o tipo de ambiente predominante: fisico ou social? Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    Quais são os personagens secundários do livro: Menino de Engenho ' José Lins do Rego' Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    Qual o enrredo? ( 1 Responda ) Veja tudo
  1. Responda  :    A história toda acontece no engenho de seu avô, a história é linear e sem debravação de acontecimentos. ^^ quarta-feira, 1 de agosto de 2012
  1. Responda   Pergunta  :    quero saber as respostas destas perguntas a baixo Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    quais as caracreristicas dos principais personagens? Veja tudo
Traduzir Enviar Link Imprimir
X

.