Procurar
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Criar uma conta no Shvoong começando do zero

Já é um Membro? Entrar!
×

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

ou

Não é um membro? Registrar-se!
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

Shvoong Home>Livros>Resumo de Contexto Histórico do Realismo

Contexto Histórico do Realismo

Resumo do Livro   por:necati     Autor : Alexandra Marques
ª
 
1 – A INFLUÊNCIA REALISTA. O século XIX é marcado por grandes transformações econômicas e culturais. Há uma nova filosofia de vida, a qual é dita cética e materialista. Essa nova filosofia põe em evidência o fato do homem ser um produto do meio e do momento em que vive. Com o progresso da ciência, o homem passa a indagar sobre as razões dos fenômenos; não mais permanece impassível diante dos acontecimentos e, em decorrência disso, profundas alterações ocorrem na estrutura econômica e social dos grandes centros urbanos. A cultura será enriquecida pelo surgimento de grandes pensadores e algumas doutrinas marcantes: A Teoria da Evolução das Espécies, de Darwin, O Positivismo, de Comte, O Socialismo, de Marx. Cria-se um contexto acentuadamente cientificista onde ganham espaço a experimentação, a observação, a pesquisa, a busca objetiva da verdade, enfim, uma atitude racional diante da vida. Os tumultos sociais, resultantes do conflito incipiente entre capital e trabalho, exigem do artista uma participação consciente no mundo. Já não há mais lugar para a fantasia, o sentimentalismo, o subjetivismo. Veremos mais especificamente este novo conceito de literatura e a sua influência no mundo. Considerando Literatura como um documento de época, já que ela contém marcas do meio e do momento em que foi produzida, só se pode entender a maneira de ser da Literatura Realista a partir de um estudo introdutório do contexto em que ela predominou, onde reinam o MATERIALISMO e o CIENTIFICISMO. O MATERIALISMO é uma doutrina ou corrente filosófica que prega que tudo no mundo deve ser entendido e explicado com base na MATÉRIA, em fatos reais, em elementos concretos, rejeitando qualquer concepção ou explicação divina (espiritualista) acerca do homem e do mundo: "estamos mergulhados no universo, sujeitos a leis infalíveis e definidas, provindas da própria natureza, nada mais existindo além disso", diz o Materialismo, que no século XIX atingiu seu clímax e mudou radicalmente a maneira de ser, de agir e de pensar do homem. Esse pensamento materialista teve como conseqüências profundas mudanças históricas, econômicas, sociais, filosóficas, CIENTÍFICAS, ARTÍSTICAS e LITERÁRIAS. Vejamos as mais importantes: 1.1 - NA CIÊNCIA: A grande novidade decorrente do pensamento materialista, nessa época, é, sem dúvida, o surgimento das CIÊNCIAS NATURAIS a) No campo da Física e da Química, o acontecimento mais importante é a generalização do princípio da transformação da energia, descoberta em que se baseia a Ciência atual, pois possibilita a concepção einsteniana da equivalência entre matéria e energia. Outra preocupação relevante é o desenvolvimento das pesquisas sobre o átomo e a molécula (Gay-Lussac e Avogrado), as buscas no campo da calorimetria, termodinâmica, telefonia, astronomia, eletromagnetismo, etc. São dessa época: o estudo da força elétrica e da quantidade de eletricidade (Coulomb), a construção da primeira pilha (Volta), a análise das relações entre campo magnético e corrente elétrica (Ampère) e a invenção do telefone (Graham-Bell) b) Na Biologia/Genética, que até séculos anteriores haviam permanecido limitadas pelas concepções espiritualistas e sobrenaturais dos antigos, tornam-se imortais os nomes de: - Darwin, que em sua obra "A Origem das Espécies" funda o EVOLUCIONISMO, doutrina científica que afirma a seleção natural e defende a concepção do aprimoramento progressivo das espécies de seres vivos (dos que conseguiram se adaptar ao meio e, por conseguinte, passar pelo processo de seleção natural), em especial a espécie humana (analisada como um animal como outro qualquer).
- Lamark, que formula as leis da seleção natural, da qual é famosa a lei do uso e desuso de órgãos ou partes da constituição física (biológica) de um animal, responsável pela permanência ou não das espécies de seres vivos nessa evolução. A intensificação do uso do microscópio, bem como a maior precisão metodológica com que passam a ser observados os seres vivos, também resultam em incrementos dos conhecimentos científicos: - Luis Pasteur, bacteriologista, prova que as bactérias provocam doenças e descobre a vacina anti-rábica; - Claude Bernard cria a fisiologia experimental (exames de laboratório); - Padre Gregório Mendell descobre os princípios da hereditariedade (o que possibilitou os atuais testes de DNA). Tudo isso contribui para um incalculável avanço também na Medicina, em que se descobre as relações entre HIGIENE e SAúDE: o que ainda não pode ser curado pode ser prevenido. c) Na Psicologia, Skinner desenvolve uma terapia de cunho materialista: o BEHAVIORISMO, baseado em comportamentos externos tido como "anormais" nos indivíduos. Tais comportamentos são considerados reflexo do que ocorre no interior desses indivíduos. O behaviorista, porém, não admite e não se interessa em entrar nesse interior( na "caixa-negra"); para eliminar os comportamentos anormais, o terapeuta se utiliza de um método de condicionamento (de adestramento), através de estímulos e respostas (como com o cão de Pavlov). 1.2 - NA FILOSOFIA: A mais importante das doutrinas é aquela que afirma a "primazia da Ciência como única fonte de produção de verdades: "só existem verdades baseadas na observação e na experimentação", ou seja, só é verdade (real) o que for cientificamente comprovado. Essa doutrina é o POSITIVISMO de Auguste Comte. Outra doutrina filosófica importante é a de autoria de Taine - o DETERMINISMO- que prega que o homem é produto do meio (social e/ou natural), do momento e da raça a que pertence.
Publicado em: 29 fevereiro, 2008   
Por favor, avalie : 1 2 3 4 5
  1. Responda   Pergunta  :    aspectos do contexto historico do realismo Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    qual e o contexto historico do realismo Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    cade os 3 principais acontecimento historico do relismo Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    E o naturalismo ? Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    quais as principais caracteristicas do realismo i seus principais autores? Fonte: http://pt.shvoong.com/books/1775172-contexto-hist%C3%B3rico-realismo/#ixzz1yAw8drWI Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    QUAIS AS DIFERERENÇAS FUNDAMENTAIS ENTRE O METODO TRADICIONAL E O METODO HISTORICO O QUE SE REFERE A FORMA DE ENSINAR. Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    quais as principais caracteristicas do realismo i seus principais autores? ( 1 Responda ) Veja tudo
  1. Responda  :    - o google pode te responder procure seu vadio u_u quarta-feira, 18 de abril de 2012
  1. Responda   Pergunta  :    como foi o contexto da teoria do realismo. Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    "varias histórias"(machado de assis) era um livro realista? Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    QUAIS FORAM AS DOUTRINAS REALISTA? Veja tudo
Traduzir Enviar Link Imprimir
X

.