Procurar
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Criar uma conta no Shvoong começando do zero

Já é um Membro? Entrar!
×

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

ou

Não é um membro? Registrar-se!
×

Registrar-se

Use sua conta no Facebook para registrar-se mais rápido

ou

Entrar

Entrar usando sua conta no Facebook

Shvoong Home>Livros>Resumo de Abelha Jandaíra

Abelha Jandaíra

Resumo do Livro   por:FranciscoMello     Autor : Padre Huberto Bruening
ª
 
Este livro pode ser considerado o único existente no mundo que trata especificamente da abelha Jandaíra, abelha que tem como habitat a Caatinga, no Nordeste brasileiro, uma região marcada por uma quadra invernosa irregular que dura quatro meses no ano, e esses mesmos quatro meses chuvosos ainda correm o risco de não acontecerem devido à estiagem, ou à seca que assola a região de tempos em tempos, colocando em risco a população que vive em tal área.
O padre Bruening escreve este livro magistral em que metade do mesmo mostra a saga que passou desde os tempos em que foi transferido para a cidade Mossoró, uma região quase central ao que poderíamos definir como Poligono das Secas, e nesta região, muito diferente da sua região de origem do Sul do país, com uma temperatura mais amena e sujeita a meses de muito frio, ele toma contato com a cultura local, até que num belo dia, um de seus paroquianos muda de cidade e deixa uma caixa, ou colônias de abelhas Jandaíra aos seus cuidados. É o segundo "sinal", conforme relata no livro, de qual caminho teria que prosseguir, pois ele já teria tido um primeiro "sinal" quando percebeu que uma colônia de abelhas começou a habitar uma árvore perto de sua casa. Aí ele apaixonou-se pelas abelhas e aprendeu o manejo das mesmas com os caboclos, técnicas que eram arcaicas, mas ele adaptou estas técnicas e chegou a valorizar as mesmas, só criticando a maneira de fechar a caixa a marteladas, pois utilizavam pregos nesta função, e ele substituiu por pedaços de couro curtido que fazia a função de dobradiça.
O livro serve como dado histórico, pois narra a invasão das abelhas africanas que vieram fugidas do Sudeste, mais precisamente de São Paulo e dali povoaram o país em todos os quadrantes, e narra a maneira feroz de tais abelhas, constatando mortes de animais e também coloca a culpa nestas abelhas africanas pela rareação da abelhas indígenas, notadamente a Jandaíra.
Trata-se de uma boa leitura onde ao lado de uma abnegação e uma simplicidade de um clérico que, à maneira de São Francisco de Assis mostrava-se muito próximos dos animais, também podemos ver o manejo que pode-se utilizar não somente para este tipo de abelha, como, de um modo geral, na criação todos os tipos de abelhas sem ferrão.
Publicado em: 26 junho, 2007   
Por favor, avalie : 1 2 3 4 5
  1. Responda   Pergunta  :    ilustração do inseto Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    quas as abelhas sem ferão que eu posso criar no Rio de janeiro? Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    posso criar abelhas janadairas no rio de janeiro Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    qual o fator cultural da abelha jandaira? Veja tudo
  1. Responda   Pergunta  :    o que é a abelha jandaíra? Veja tudo
Traduzir Enviar Link Imprimir
X

.